Tecnologia: Bitcoin continua em queda e atinge menor preço desde outubro de 2017.

Bitcoin continua em queda atinge menor preço desde outubro de 2017. – Foto: pixabay.com

 

 

O bitcoin atingiu o menor preço de 2018, a criptomoeda voltou a operar em baixa nesta terça-feira (20), caindo 10 por cento e levando as perdas da moeda digital mais conhecida do mundo para 25 por cento em uma semana.

 

 

Bitcoin afundou até US $ 4.327, a menor desde outubro de 2017. No meio da tarde, estava sendo negociado em torno de US $ 4.750 na Bolsa Bitstamp.

 

 

 

 

A queda seguiu-se a uma queda repentina na semana passada que sacudiu o bitcoin de um período de relativa estabilidade, onde os preços haviam pairado em torno da marca de US $ 6.500 por vários meses.

 

 

 

O Bitcoin despencou mais de 75 por cento neste ano, de um pico de US $ 20.000 em dezembro, quando os investidores de varejo acumularam uma das maiores bolhas da história.

 

 

 

 

 

 

As quedas de terça-feira coincidiram com quedas mais amplas nos mercados financeiros. As ações europeias caíram devido à queda nos resultados de varejo e a fraqueza da Apple, segundo a Wall Street.

 

 

 

 

Outras moedas menores também caíram drasticamente, à medida que um sell-off de criptomoedas mais amplo, dito por traders e market makers como resultado de vendas pesadas em bolsas asiáticas ganhou força

 

 

 

 

Os defensores da criptomoeda dizem que o bitcoin ainda é jovem e que a volatilidade dos preços é esperada. Muitos prevêem que a necessidade de moedas virtuais que operam além do sistema bancário tradicional durará mais que qualquer queda de preço no curto prazo.

 

 

 

Bitcoin é uma moeda digital que pode ser usada como meio de pagamento de uma forma completamente inovadora. Os Bitcoins são controlados por uma rede peer-to-peer sem depender de bancos centrais e já é um mercado de bilhões de dólares.

 

 

 

Da Redação com informações baseadas no mercado de criptomoedas