Cinema – Chris Evans pode deixar o papel de Capitão América após Guerra Infinita

Cris Evans como Capitão Amèrica - Imagem: Divulgação
Cris Evans como Capitão Amèrica – Imagem: Divulgação

Há tempos especula-se sobre o que acontecerá com Capitão América e com o Homem de Ferro. Nas histórias em quadrinhos os personagens passaram por reviravoltas impressionantes que poderiam (ou não) refletir nas histórias das telonas. O fim dos personagens seria inevitável? Ao que indica a revista Esquire, o desfecho do Steve Rogers como Capitão América está mais próximo do que se espera.

A informação é de Chris Evans. Recentemente o astro foi entrevistado pela regista Esquire e falou sobre a carreira profissional e o desejo de se dedicar a direção de longa-metragens. O ator, segundo a publicação, mantém uma rotina pesada para acompanhar as filmagens do super-herói.

“Ajeitando-se no sofá, ele geme. Evans explica que está todo dolorido porque começou sua rotina de exercícios no dia anterior para entrar em forma para os próximos dois filmes do Capitão América. Os filmes serão filmados em sequência, começando em abril. Depois disso, o ator de 35 anos deixa o uniforme vermelho-branco-e-azul. Ele terá cumprido seu contrato”. – Relata a publicação.

Os filmes retratados pela publicação são os filmes Os Vingadores Guerra Infinita Parte I e Parte II. Os títulos, por enquanto, são provisórios, uma vez que a Marvel já anunciou que apesar de se tratar de uma continuação direta, os filmes terão títulos distintos, evitando utilizar “Parte I” e “Parte II”.

Durante a entrevista, Evans comenta que negou um contrato maior com a Marvel. O estúdio gostaria de um contrato contemplando 9 filmes, mas o ator assinou apenas 6 (que deve terminar na segunda parte de Guerra Infinita). O ator não deixou claro se este será o fim de Steve Rogers como Capitão América, mas afirmou que está pronto e animado para seguir novos rumos e desafios em sua carreira, como tornar-se diretor.

Fonte: Diego Piovesan do GeekBlast