Política – Internacional: Primeira deputada indígena do Brasil, Joênia Wapichana participa de encontro de parlamentares no Peru

Deputada foi a primeira mulher indígena eleita para o Congresso Nacional (Foto: Luis Macedo/Agência Câmara)

 

 

A primeira deputada indígena eleita no Brasil, Joênia Wapichana, viaja nesta quinta-feira, 30, ao Peru, onde participa do 1º Encontro Internacional de Parlamentares Indígenas da América, que será realizado pelo Congresso Nacional peruano. Durante dois dias, o evento promoverá debates sobre o papel do legislativo na promoção dos direitos dos povos indígenas, principalmente o direito das mulheres, de forma a construir uma agenda em comum, com incidência internacional, sobre a atuação. O Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) apoia a iniciativa.

 

 

Segundo Joênia, o convite vem em boa hora e será muito bem aproveitado. “Eu me sinto bastante privilegiada por estar neste lugar, mas também contrariada com a situação indígena no Brasil”, pontua. “Temos que debater e discutir a questão indígena, para descobrir como podemos ajudar. Temos várias situações de povos indígenas que vivem nas fronteiras e necessitam de nossa atenção. É super importante ter conhecimento da situação da representação legislativa dos outros países.”

 

 

 

 

Além da representante do Brasil, foram confirmadas a presença de parlamentares do Chile, México, Argentina, Equador, Bolívia, Guatemala, Honduras, Estados Unidos e Canadá. Organizado pela Comissão da Mulher e da Família do parlamento peruano, o encontro terá foco especial em como incentivar as lideranças femininas no campo do legislativo.

 

 

 

Além da própria perspectiva de como garantir os direitos humanos dos povos indígenas, o evento também busca entender os contextos de migrações e territórios. Para a deputada Joênia, será uma grande oportunidade de debater o assunto. “Só o fato de saber o que os outros parlamentares estão fazendo já me enriquece o conhecimento, e me ajuda a estabelecer prioridades para o meu mandato”, concluiu.

 

 

 

Da Redação com informações provenientes do Fundo de População das Nações Unidas