Feriado do Dia do Trabalhor – 2015: Corredor Dom Pedro tem previsão de 550 mil veículos durante feriado do Dia do Trabalho

No primeiro trimestre do ano, foram 558 ocorrências, média mensal 37% menor do que no mesmo período de 2010
Rodovia D. Pedro

 

 

 

O Corredor Dom Pedro de rodovias deve receber um fluxo de 550 mil veículos durante o feriado do Dia do Trabalho. A previsão da Concessionária Rota das Bandeiras, empresa da Odebrecht TransPort, é válida para o período entre 0h de quinta-feira, dia 30, e 23h59 de domingo, dia 03.


Somente pela rodovia D. Pedro I (SP-065) a estimativa de fluxo é de 360 mil veículos nos quatro dias de Operação Especial. A Prof. Zeferino Vaz (SP-332), que liga Campinas a Mogi Guaçu, deve receber 97 mil usuários. Pela Eng. Constâncio Cintra (SP-360), entre Itatiba e Jundiaí, a previsão é de pouco mais de 69 mil veículos. E na Romildo Prado (SP-063), a Itatiba-Louveira, serão 21 mil veículos. Não é possível estabelecer uma comparação com o feriado do ano passado, já que em 2014 o feriado mundial caiu em uma quinta-feira.

 

 

 

O maior volume de tráfego previsto é para quinta-feira, véspera de feriado. Nesta data, são previstos pouco mais de 180 mil usuários em todo o Corredor Dom Pedro. Para garantir a fluidez no trânsito, as obras de melhoria nas rodovias serão suspensas a partir das 12h. O tráfego deve ser intenso das 17h às 21h.
Na sexta-feira, Dia Internacional do Trabalho, o volume previsto é baixo, mas concentrado no período da manhã. O movimento nas estradas também será tranquilo no sábado. O retorno do feriado, no domingo, terá trânsito intenso a partir das 14h.
Ao longo do feriado, a Concessionária reforçará as equipes de inspeção de tráfego e também o atendimento das praças de pedágio. As viaturas operacionais, como guinchos e ambulâncias, serão posicionadas em pontos estratégicos do Corredor Dom Pedro.

 

 

Da Redação com informações da Rota das Bandeiras