Eleições 2018 – São Paulo: Janaína Paschoal autora do pedido de impeachment de Dilma Rousseff foi eleita a deputada estadual mais votada da história de São Paulo e do Brasil.

Janaína Paschoal autora do pedido de impeachment de Dilma Rousseff foi eleita a deputada estadual mais votada da história de São Paulo e do Brasil. – Foto: Geraldo Magela/30.08.2016/Agência Senado

 

 

Autora do pedido de impeachment que derrubou Dilma Rousseff (PT), a advogada Janaína Paschoal se tornou a candidata a deputada estadual mais votada da história de São Paulo e do Brasil.

 

 

 

Nas eleições do último domingo (7), Paschoal, que pertence ao PSL, partido de Jair Bolsonaro, recebeu 2.060.786 votos e terminou na primeira posição, com 9,88% do total.

 

 

 

 

O número supera até mesmo a votação de Eduardo Bolsonaro, filho do candidato a presidente, que teve um recorde de 1.843.735 votos para deputado federal. A melhor marca anterior para estadual era de Fernando Capez (PSDB), em 2014, com 306.268 votos.

 

 

 

 

“Amados, são muitos votos, mais de dois milhões. Esta votação expressiva é muito importante, pois me confere mais legitimidade para trabalhar por todos nós. Agradeço a cada cidadão que confiou em mim”, escreveu Paschoal no Twitter.

 

 

A advogada é uma dos três autores do pedido de impeachment que derrubou Dilma por causa das “pedaladas fiscais”, ao lado de Miguel Reale Jr. e Hélio Bicudo.

 

 

 

 

Da Redação com informações provenientes da ANSA