Cultura – TV: O Ator José de Abreu é condenado a pagar indenização por twitter envolvendo o Hospital Albert Einstein

José de Abreu – Foto: Reprodução: twitter/@zehdeabreu

 

José de Abreu foi condenado a pagar R$ 20 mil Reais ao Hospital Israelita Albert Einstein por danos morais, devido a uma postagem controversa no dia da posse do Presidente Jair Messias Bolsonaro.

 

 

O ator é conhecido pelas suas atuações em telenovelas  mas  também por ser um ativista de  esquerda, e expressar suas opiniões em redes sociais .

 

 

 

No começo do ano, o ator da Rede Globo, realizou uma postagem no Twitter, acusando o Hospital Israelita Albert Einstein, localizado na Capital Paulista, de participar de uma armação envolvendo o Mossad, para eleger Jair Bolsonaro como presidente .

 

 

 

O ator foi acusado pelo hospital de difamação, ofensa e antissemitismo por causa da seguinte publicação:

 

 

“Teremos um governo repressor, cuja eleição foi decidida numa facada elaborada pelo Mossad, com apoio do Hospital Albert Einstein, comprovada pela vinda do PM israelense, o matador e corrupto Bibi. A união entre a igreja evangélica e o governo israelense vai dar merda.”

 

 

 

 

A mensagem foi postada no dia da posse de Bolsonaro como presidente e apagada minutos depois

 

 

A colunista Mônica Bergamo  da Folha de São Paulo, revelou que ator tem a intenção de recorrer até ao STF e que ficou indignado com a sentença e disse que:  “A ideia da sentença é provocar uma auto-censura? Onde fica e quem decide o limite da minha liberdade?”

 

 

 

Da Redação