Brasil – Eleições 2018: Mais de mil políticos disputarão eleições sem autorização do TSE

Mais de mil políticos disputarão eleições sem autorização do TSE

 

 

 

Pouco mais de 1,1 mil candidatos vão disputar as eleições no próximo domingo (7) sem a certeza de que poderão ser eleitos, mesmo se alcançarem os votos necessários.

 

 

 

Isso porque eles ainda aguardam julgamento de recursos na Justiça Eleitoral para confirmar se a candidatura é valida ou não.

 

 

 

 

Como as informações necessárias para a votação já foram inseridas e lacradas nas urnas eletrônicas o nome, número e foto desses candidatos que vão aparecer nas urnas.

 

 

 

 

Mas os votos que eles receberam correm o risco de serem anulados, como comenta Fernando Maciel, secretário Judiciário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

 

 

 

 

O eleitor pode conferir na página do TSE a situação de cada candidato.

 

 

 

 

Quem estiver classificado como ‘indeferido com recurso’, corre o risco de ter a votação anulada.

 

 

 

 

A anulação também interfere no resultado geral da eleição porque reduz o número de votos válidos. É com base neste número, por exemplo, que a Justiça Eleitoral calcula os eleitos pelo sistema proporcional.

 

 

 

Da Redação com informações provenientes da Radio Agência Nacional.