Brasil – Educação: UNB suspende temporariamente festas de confraternizações nas suas dependências após o assassinato de jovem

UNB suspende temporariamente festas de confraternizações nas suas dependências após o assassinato de jovem

 

 

Pelo menos, por 30 dias, não haverá mais festas com bebidas alcoólicas na Universidade de Brasília.

 

 

A decisão foi tomada pela reitoria, após a última comemoração da faculdade de Direito, no dia 1 de novembro, não terminar bem. Na confraternização, uma jovem que andava de mãos dadas com a namorada foi espancada e um jovem de 19 anos morto.

 

 

 

 

Após os episódios, houve reuniões da administração da UnB, com representantes do DCE- Diretório Central dos Estudantes, centros acadêmicos e diretores de institutos e faculdades.

 

 

 

 

O chefe de gabinete da reitoria, professor Paulo César Marques, informa que todas as partes concordaram com a suspensão temporária das festas para a criação de novas regras.

 

 

 

Segundo Paulo César Marques, as festas estão suspensas para reformular a resolução do Conselho Universitário de 2012, que estipula as regras para as confraternizações na Universidade. Mas, ele garante que as festas serão retomadas em breve e com segurança para a comunidade.

 

 

 

Para realizar qualquer festa na UNB era necessária autorização do diretor da respectiva unidade e da Prefeitura do Campus. Também era preciso seguir o horário estabelecido para início e término do evento. Em muitos casos, cigarros e bebidas eram vetados, mas em outros, liberados pela universidade.

 

 

 

 

Da Redação com informações provenientes da Rádio Agência Nacional