Brasil – Economia: Dólar fecha em alta e bolsa cai após eleição de Bolsonaro

Dólar - Foto: Marcello Casal jr/Agência Brasil
Dólar – Foto: Marcello Casal jr/Agência Brasil

 

 

Um dia depois da eleição de Jair Bolsonaro, do PSL, o dólar comercial fechou esta segunda-feira (29) com alta de 1,51%, cotado a R$3,705 na venda, após atingir a mínima de R$3,582 na abertura dos negócios.

 

 

O dólar turismo, por sua vez, encerrou a R$ 3,86, sem a cobrança de IOF. Pela manhã, a moeda norte-americana operava em queda de 0,35%, valendo R$ 3,642 por volta do meio dia.

 

 

 

 

Já o Ibovespa, principal índice da bolsa de valores de São Paulo, caiu – 2,24%, com 93.796 pontos. Além disso, a Petrobrás encerrou o pregão em baixa de 4,67%, enquanto que a Vale com desvalorização de 4,50%, o Itaú perdendo 2,02% e o Bradesco com menos 2,32%.

 

 

 

 

Com isso, especialistas afirmaram que a moeda norte-americana segue acima da cotação “ideal” para o equilíbrio da economia brasileira. Na última sexta-feira(26), o dólar chegou a atingir o menor valor em cinco meses, principalmente em decorrência do otimismo dos investidores com a expectativa de uma possível vitória de Bolsonaro, eleito neste domingo (28) com mais de 55% dos votos.

 

 

 

 

Da Redação com informações provenientes da ANSA