Internacional: Embaixador brasileiro inicia segundo mandato à frente da Organização Mundial do Comércio (OMC)

Roberto Azevêdo. Foto: OMC

 

O embaixador brasileiro Roberto Azevêdo foi reconduzido ao posto de diretor-geral da Organização Mundial do Comércio, OMC.

 

 
Azevêdo, que era candidato único, está à frente da organização desde setembro de 2013, quando foi eleito para um mandato de quatro anos.

 

 

 
Perguntas e respostas

 

 

 
A recondução ao posto de chefe da agência foi aprovada pelo Conselho-Geral da OMC numa reunião que começou na segunda-feira. Roberto Azevêdo fez uma apresentação ao grupo, que foi seguida de uma sessão de perguntas e respostas.

 

 
Durante o mandato do brasileiro, em janeiro, entrou em vigor o Protocolo de Emenda ao Acordo de Trips, como é conhecido o Acordo sobre Aspectos de Direitos de Propriedade Intelectual Relacionados ao Comércio.

 

 

 

 

O Trips facilita as condições de acesso de países em desenvolvimento a medicamentos considerados essenciais.

 

 

 

 
Ainda na semana passada, Azevêdo participou de um encontro com os países-membros da OMC para debater o trabalho da organização.

 

 

 

 

Segundo ele, 2017 será um ano importante para a agência, que se prepara para a 11ª. Conferência Ministerial, que terá lugar em dezembro, em Buenos Aires, na Argentina.

 

 

 

 

 

Da Redação com informações provenientes da Rádio ONU de Nova York