Culinária – Internacional: No Dia Mundial da Pasta, veja curiosidades sobre o alimento – 25/10/2018.

No Dia Mundial da Pasta, veja curiosidades sobre o alimento – 25/10/2018. – Foto: pixabay.com

 

A Eurostat, organização estatística da Comissão Europeia, certificou nesta quinta-feira (25) a Itália como primeiro produtor de massas da UE, no dia em que é celebrado o World Pasta Day.

 

 

Foram 3,6 milhões de toneladas de pasta produzidas pelo país no ano passado, equivalente a 67% da produção de todo o bloco.

 

 

 

O Dia Mundial da Pasta é celebrado dia 25 de outubro desde 1998, e iniciativas promocionais e eventos paralelos acontecem em todo o mundo.

 

 

 

São cerca de 350 formatos diversos de massa existentes, e em comemoração ao dia do carro-chefe italiano, separamos algumas curiosidades:

 

 

 

1) Spaghetti: É o formato mais famoso no mundo, clássico com molho de tomate ou com variedade de temperos com base de verduras, peixe, ou com ragu de carne moída. Eternizado em “A Dama e o Vagabundo”, o spaghetti é protagonista naquele modelo com almôndegas e tomate, que, entretanto, é uma invenção ítalo-americana. Na Itália, esse tipo não existe.

 

 

 

2) De todo tipo: Falar de pasta na Itália não quer dizer somente farinha branca ou sêmola de grano duro. Ela pode ser feita seca, de ovo, integral, verde, a pasta pode ser preparada com diversos tipos de farinha.

Até nas tradições regionais é possível encontrar numerosos exemplos, como os pizzoccheri valtellinesi de grano saraceno ou as tagliatelle feitas com farinha de castanha. As variações, aliás, continuam a aumentar, já que as sem glúten são os novos destaques, assim como a pasta com farinha de legumes.

 

 

 

3)Tagliatella: Rainha da região da Emília-Romanha, a tagliatella é tradicionalmente temperada com ragu bolognese, mas é um formato tão versátil que cria espaço para a fantasia, permitindo a adição de frutos do mar ou até mesmo de verduras.

 

A tagliatella é uma boa dica por ser um formato simples de fazer em casa, mas respeitar a receita tradicional é importante: farinha, ovos frescos a temperatura ambiente e água quente para trabalhar a massa.

 

 

 

4) Cada formato de pasta combina melhor com um tipo de molho. Para “ensinar” as pessoas a prepararem suas massas em casa da melhor maneira possível, a Associação de Indústrias de Doces e das Massas Italianas (AIDEPI)lançou um “guia” de molho e pasta.

 

 

 

5) O famoso “macarrão à carbonara” foi considerado o preferido dos italianos, de acordo com uma pesquisa do aplicativo Just Eat.

 

 

 

Da Redação com informações provenientes da ANSA