Taça Libertadores 2016: São Paulo encara The Stronghest na estreia na Taça Libertadores no estádio do Pacaembu.

São Paulo x The Stronghest
São Paulo x The Stronghest

 

 

 

O São Paulo faz sua estreia na fase de grupos da Taça Libertadores nesta quarta-feira (17), quando recebe o The Stronghest (BOL), às 19h30, no estádio do Pacaembu. Com enorme tradição no torneio continental, o Tricolor quer usar a atmosfera por jogar diante de seus torcedores para estrear de forma positiva e retomar a confiança após a derrota diante do Corinthians.

 

 

 

A principal aposta ofensiva são-paulina é o atacante Jonathan Calleri. O argentino de 22 anos estreou com gol ainda na pré-Libertadores, já balançou as redes por duas vezes pelo estadual e carrega a experiência por já ter disputado o torneio pelo Boca Juniors (ARG).

 

 

 

 

Com o foco em reverter a atual situação no clube após a derrota no Majestoso, o meia Michel Bastos falou sobre a importância por vitória e projetou uma estreia positiva. “Dói muito perder um clássico. Mas o bom é que já temos a partida de quarta, não podemos ficar lamentando porque isso pode atrapalhar a nossa concentração. Acredito que esse é o lado positivo, temos a oportunidade de se redimir rapidamente. Apesar da derrota, tivemos algumas coisas boas”, disse o camisa 7.

 

 

 

 

Sem desfalques, a tendência é que o técnico Edgardo Bauza repita a equipe que enfrentou o Corinthians e entre em campo com: Denis; Bruno, Rodrigo Caio, Lucão e Mena; Hudson, Thiago Mendes, Ganso e Michel Bastos; Centurión e Calleri.

 

 

 

Adversário oscila

 

 

 

 

Vice-campeão boliviano na temporada anterior, o The Stronghest vem ao Brasil visando o planejamento que tem a classificação à fase de mata-mata como objetivo principal. Para isso, terá que mudar o desempenho apresentado nas últimas partidas.

 

 

 

 

Pelo campeonato nacional, o clube Boliviano venceu apenas dois dos cinco jogos disputados até o momento. O The Strongest faz a sexta melhor campanha, somando sete pontos e vem de empate por 2 a 2 no clássico diante do Bolívar.

 

 

 

 

Para o confronto, o técnico Fábio Borghi garantiu a mesma formação que entrou em campo no último final de semana: Daniel Vaca; Bejarano, Pereyra, Maldonado e Pérez; Chumacero, Veizaga, Castro e Pablo Escobar; Rodrigo Ramallo e Carlos Neumann.

 

 

 

 
Da Redação com informações da FPF