Taça Libertadores 2015: Jogo contra o San Lorenzo é como uma final para o Corinthians, revela o meia Renato Augusto

Corinthians x San Lorenzo
Corinthians x San Lorenzo

 

 

Depois de vencer a Ponte Preta por 1 a 0 no último sábado (11), o Corinthians se prepara para voltar a campo nesta quinta-feira (16) contra o San Lorenzo (ARG), em jogo valido pela quinta rodada da fase de grupos da Taça Libertadores 2015. A equipe alvinegra lidera o Grupo 02 com 12 pontos ganhos e precisa de um empate para se garantir no mata-mata.

 

 

Apesar da boa campanha, o meia Renato Augusto destacou as dificuldades da partida e a importância do resultado positivo. “A gente está na fase mais difícil da Libertadores. É o grupo mais complicado, com certeza. O San Lorenzo é um time forte e perigoso. Perderam para o São Paulo no último minuto. E o empate no nosso jogo seria o mais justo. Não tem nada garantido na Libertadores. É uma situação muito confortável, mas muito mentirosa também. Quinta-feira será uma final para nós”, disse.

 

 

 

Passando o San Lorenzo, o Corinthians terá o Palmeiras como adversário na semifinal do Paulistão Itaipava 2015 – Série A1 e o camisa oito comentou sobre o desgaste físico que o clube vem sofrendo nos últimos jogos. “A gente tem conversado muito sobre isso. Você faz uma grande temporada e, em dez dias, pode colocar tudo a perder. O desgaste é inevitável. Precisamos estar preparados”, finalizou.

 

 

A partida entre Corinthians e San Lorenzo será realizada nesta quinta-feira (16), às 22h, na Arena Corinthians, em Itaquera.

 

 
Da Redação com informações da FPF