Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020: Comitê organizador apresenta tocha e emblema dos Jogos Paralímpicos de 2020

Comitê organizador apresenta tocha e emblema dos Jogos Paralímpicos de 2020

 

 

 

O Comitê Organizador dos Jogos de Tóquio 2020 apresentou, na última segunda-feira (25.03), a tocha dos Jogos Paralímpicos, que serão disputados na capital japonesa de 25 de agosto a 6 de setembro. Em consonância com o conceito “compartilhe sua luz”, a tocha simboliza a união dos sentimentos de todos os envolvidos e apoiadores dos Jogos Paralímpicos.

 

 

 

Mantendo o mesmo formato da flor de cerejeira da Tocha dos Jogos Olímpicos, a Tocha Paralímpica é feita de alumínio, sendo que aproximadamente 30% da tocha é composta de material reciclado originalmente usado em unidades de alojamento temporário após o terremoto de 2011 e o desastre do tsunami que devastou a região de Tohoku no Japão.

 

 

 

A Tocha Paralímpica de Tóquio 2020 foi criada com tecnologia de fabricação de extrusão de alumínio usada na produção do trem-bala Shinkansen. Completamente sem costura, produzida a partir de uma única folha de metal, a tocha foi criada de acordo com a tradição japonesa e recursos tecnológicos avançados.

 

 

 

Vídeo da Tocha

 

 

 

 

Apresentação da Tocha dos Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020

 

 

Revezamento

 

 

O revezamento da Tocha Paralímpica acontecerá entre 13 e 25 de agosto, durante o período de transição entre os Jogos Olímpicos e os Jogos Paralímpicos. Os portadores da Tocha correrão em equipes de três pessoas sem saber com antecedência quem fará parte da sua equipe. Os critérios de seleção para os portadores da Tocha ainda serão determinados.

 

 

O revezamento acontecerá em três partes. A primeira será a celebração da chama do patrimônio em Stoke Mandeville, na Grã-Bretanha — berço espiritual do Movimento Paralímpico. Os festivais de iluminação de chama acontecerão em vários locais do Japão, entre 13 e 17 de agosto. Essas chamas também visitarão escolas, hospitais e instalações ligadas às Paralimpíadas em cada prefeitura do país.

 

 

Além do festival de iluminação de chamas, haverá a segunda parte, em que os revezamentos da tocha serão realizados em três prefeituras onde acontecerão eventos paralímpicos.

 

 

 

Por fim, o revezamento chegará a Tóquio. As chamas de cada festival de iluminação e os revezamentos de tochas de todo o Japão serão reunidos em Tóquio em 21 de agosto, onde a chama paralímpica oficial será acesa. Os quatro dias finais do revezamento da Tocha Paralímpica serão iniciados em Tóquio.

 

 

 

Chama especial

 

 

 

Na tocha paralímpica, cinco chamas separadas emergem das pétalas de flores e se juntam como uma no centro da tocha para emitir uma luz mais brilhante. Várias características técnicas foram adicionadas na produção da tocha, incluindo a adoção de um mecanismo com uma chama azul com fortes capacidades térmicas e um componente de combustão sem chama, que, juntos, mantêm a chama acesa.

 

 

 

O peso e a pegada da Tocha Paralímpica de Tóquio 2020 foram especialmente produzidos para garantir que seu manejo seja fácil para qualquer um, independentemente da idade ou sexo. Um grupo de empresas se uniu para a criação da Tocha Paralímpica de Tóquio 2020. O projeto vencedor foi selecionado após duas reuniões separadas de um painel de especialistas de uma ampla gama de setores. O Comitê de Seleção citou o excelente design, as capacidades do mecanismo de combustão para acender a chama e a sustentabilidade da tocha como principais razões por trás da escolha.

 

 

 

Emblema

 

 

 

O emblema da Tocha Paralímpica de Tóquio 2020 foi projetado a partir da perspectiva de consistência com a marca Tóquio 2020 Paralímpica, de modo a assegurar um fácil reconhecimento da marca.

 

 

 

As três formas retangulares que compõem os emblemas dos Jogos de Tóquio 2020 foram redesenhadas para se assemelharem à chama de uma tocha e expressam o movimento dinâmico de uma chama. O design também incorpora a técnica fuki bokashi para gradação de cores, frequentemente usada na pintura japonesa tradicional do ukiyoe, para imbuir ainda mais o emblema com uma estética japonesa.

 

 

 

As cores tradicionais japonesas têm sido usadas para enfatizar a chama da Tocha Paralímpica de Tóquio 2020. Uma combinação de ouro e amarelo ocre criam uma sensação geral de um festival de estilo japonês e, assim, ampliam as expectativas para os Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020.

 

 

 

Especificações da Tocha

 

 

Comprimento: 710mm
Peso total: 1,2kg (a tocha pesa 1kg, enquanto a parte de combustível é 0,2kg).
Cor: Sakura rosa
Materiais principais: Alumínio (aproximadamente 30% da tocha é feita de alumínio reciclado originalmente usado em unidades de alojamento temporário após o terremoto de 2011 e o desastre do tsunami que devastou a região de Tohoku no Japão)

 

 

 

Produtores de tocha

A tocha foi produzida por uma empresa conjunta constituída pelas seguintes empresas:
Planejamento, design e supervisão geral: Tokujin Yoshioka Inc.
Caixa da tocha: UACJ Extrusion Corporation
Materiais: LIXIL Corporation
Mecanismo de Combustão: Shinfuji Burner Co., Ltd.
Cilindro de combustível e combustível: Eneos Globe Corporation

 

 

 

Da Redação com informações provenientes e vinculadas pelo Tóquio 2020