Jogos Olímpicos Rio 2016: Seleção Brasileira Feminina de Futebol vence a Austrália de virada no último teste antes das Olimpíadas Rio2016

Seleção Brasileira Feminina de Futebol vence a Austrália - Foto: Ricardo Stuckert/CBF
Seleção Brasileira Feminina de Futebol vence a Austrália – Foto: Ricardo Stuckert/CBF

 

 

 

No último teste antes da estreia nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, a Seleção Brasileira Feminina mostrou competência e poder de reação. Neste sábado (22), o time comandado pelo técnico Vadão enfrentou a Austrália, no Presidente Vargas, em Fortaleza, e viu as adversárias saírem na frente com Larissa Crummer, no primeiro tempo. Na segunda etapa, o Brasil voltou mais forte e conseguiu a virada. Debinha fez o gol do empate e, aos 26, Raquel tocou por cobertura para fazer um golaço. Nos acréscimos finais, Darlene recebeu de Marta e liquidou a fatura com outro belo gol: 3 a 1.

 
Após o amistoso, a Seleção Feminina chega ao Rio de Janeiro neste domingo (24), onde ficará concentrada na Vila Olímpica. A estreia do time na Rio 2016 será no dia 3 de agosto contra a China, às 16h, no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro.

 
O jogo

 
No primeiro tempo da partida, o Brasil criou mais oportunidades, mas não teve sucesso nas finalizações. Aos cinco minutos, Andressinha cobrou falta fechada, nas mãos da goleira Williams. Na jogada seguinte, Cristiane recebeu no ataque, cortou para o meio e chutou de perna esquerda, para fora. Em boa chegada da Austrália, aos 19 minutos, Simon finalizou para defesa tranquila de Bárbara. A Seleção Brasileira chegou muito bem aos 23 minutos, quando Cristiane ganhou a disputa de bola, cruzou rasteiro e viu Kennedy afastar o perigo. O gol australiano saiu aos 32 minutos. Larissa Crummer recebeu lançamento e chutou da entrada da área: 1 a 0. O Brasil respondeu e ainda teve três boas chances até o fim da partida. Primeiro, Cristiane invadiu a área e cruzou para Marta, que não alcançou. Mesmo assim, a camisa 10 insistiu, ajeitou e chutou para defesa da goleira adversária. Depois, Andressa Alves fez ótimo lançamento para Debinha, que dominou, mas finalizou para fora. Aos 45, Andressinha cobrou falta para a área, Poliana raspou de cabeça e, mais uma vez, Williams fez boa defesa.

 

 

 
O segundo tempo começou movimentado. Logo aos três minutos, Cristiane puxou o ataque e tocou para Marta, que chutou cruzado para fora. No lance seguinte, Foord cometeu falta em Andressa Alves e foi expulsa. Com a vantagem numérica em campo, o Brasil passou a pressionar mais. Aos 12, Camila – que entrou no lugar de Tamires – arriscou chute forte de longe, Williams soltou a bola, mas conseguiu segurar. Dois minutos depois, o gol de empate. Debinha abriu a jogada com Cristiane, que cruzou da direita. A defesa australiana não conseguiu cortar, e a bola sobrou para Debinha deixar tudo igual: 1 a 1. Aos 19, Cristiane quase ampliou, mas cabeceou para fora.

 

 

 

 

Dominando a partida, o Brasil virou o jogo aos 26 minutos, com um golaço de Raquel (que entrou no lugar de Beatriz). Após ótimo lançamento de Érika, a camisa 16 encobriu a goleira Williams e colocou a Seleção na frente. Poupada, Formiga entrou aos 33 minutos aos gritos de apoio da torcida no Presidente Vargas. Antes do apito final, a Seleção ainda teve chance de ampliar. Marta cobrou falta no travessão, a bola quicou na área, mas ninguém conseguiu tocar para o gol. Na sequência, Raquel chutou de fora da área, mas Williams fez a defesa. Querendo jogo, a Seleção conseguiu o terceiro nos acréscimos finais. Marta lançou Darlene, que avançou em velocidade, deixou Cooper no chão, driblou a goleira australiana e fez mais um golaço na partida: 3 a 1.

 

 

 

Veja os gols de Brasil 3 x 1 Austrália

 

 

 

 

 
FICHA TÉCNICA

 

 

 

BRASIL 3 X 1 AUSTRÁLIA
AMISTOSO DA SELEÇÃO FEMININA

 
Data: sábado, 23 de julho de 2016
Horário: 16h (de Brasília)
Local: Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza (CE)
Árbitro: Ana Karina Marques
Cartão amarelo: Gorry (AUS)
Cartão vermelho: Gorry (AUS), aos 4 minutos do 2º tempo

 
Gols: Larissa Crummer, aos 31 min do 1º tempo; Debinha, aos 14 minutos, Raquel, aos 26 minutos, e Darlene, aos 47 minutos do 2º tempo

 
BRASIL: Bárbara; Poliana, Mônica, Érika e Tamires; Andressinha, Andressa Alves (Formiga) e Marta; Debinha (Thaisinha), Cristiane (Darlene) e Beatriz (Raquel). Técnico: Oswaldo Alvarez (Vadão)

 

 

 

AUSTRÁLIA: Williams (Dumont); Foord, Kennedy, Allenay (Cooper) e Polkinghorne (Butt); Kellond-Knight, Van Egmond e Gorry; Simon, Crummer e Heyman (Logarzo). Técnico: Alen Stajcic

 

 

 

 

Da Redação com informações provenientes da CBF