Jogos Olímpicos Rio 2016: Seleção Brasieira Masculina de Futebol decepciona torcedores e empata com a África do Sul

Brasil estreia com empate em 0 a 0 no futebol masculino Créditos: Lucas Figueiredo / MoWa Press
Brasil estreia com empate em 0 a 0 no futebol masculino
Créditos: Lucas Figueiredo / MoWa Press

 

 

Os Jogos Olímpicos começaram para a Seleção Brasileira Masculina de Futebol nesta quinta-feira (4). Com a presença da torcida no Mané Garrincha, em Brasília, o time comandado pelo técnico Rogério Micale pressionou, criou algumas chances e deu trabalho ao goleiro Khune, que segurou o empate em 0 a 0 com a África do Sul.

 

 
Na próxima rodada, a Seleção enfrenta o Iraque, no domingo (7), às 22h, novamente no Mané Garrincha. No outro jogo do Grupo A, Iraque e Dinamarca também empataram em 0 a 0.

 

 

 
O jogo

 

 

 

No primeiro tempo, as duas equipes tiveram um comportamento típico de estreia: analisar o adversário para sentir o jogo. Nos primeiros minutos, a África do Sul arriscou mais, e Thiago Maia foi destaque nos desarmes. O meia ganhou quase todas no meio-campo. Aos 28, Neymar puxou de lado na entrada da área e chutou forte para o goleiro Khune mandar para escanteio.

 

 

 

A partir daí, o Brasil passou a pressionar mais. Em boa chance, Gabriel saiu na cara do goleiro sul-africano, que fez a defesa. Antes do fim do primeiro tempo, a Canarinho chegou perto de abrir o placar em duas oportunidades. Na primeira, Gabriel Jesus cruzou para Felipe Anderson, que chutou de primeira, assustando Khune. Depois, Douglas Santos deu ótimo passe para Neymar, que chutou forte para boa defesa do goleiro sul-africano.

 

 

 

 

Na volta do intervalo, o Brasil deu ainda mais trabalho para Khune. Aos seis minutos, Gabriel girou e bateu rápido, mas o goleiro da África do Sul estava atento e fez a defesa. Aos 14, o volante Mvala recebeu o segundo amarelo por entrada dura em Zeca e acabou expulso. Com um jogador a mais, o Brasil passou a jogar ainda mais para frente.

 

 

 

Em ótima chance, Luan invadiu a área e cruzou. A bola chegou limpa para Gabriel Jesus, que carimbou a trave. Quase! Na sequência, Neymar chutou de fora da área e a bola passou tirando tinta do gol de Khune. Aos 30 minutos, Neymar cortou por dentro e passou para Gabriel, que finalizou de primeira e viu o goleiro sul-africano fazer ótima defesa. O Brasil seguiu no ataque até os minutos finais, quando Neymar e William arriscaram e, mais uma vez, viram Khune trabalhar bem.

 

 

FICHA TÉCNICA

 

 

 

BRASIL 0 X 0 ÁFRICA DO SUL

 

 

 

Local: Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Data: 4 de agosto de 2016, quinta-feira
Horário: 16 horas (de Brasília)
Arbitragem: Antonio Mateu Lahoz (ESP)
Assistentes: Pau Cebrian Devis (ESP) e Roberto Díaz Pérez (ESP)
Cartões amarelos: Thiago Maia (Brasil); Mvala e Mathoho (África do Sul)
Cartão vermelho: Mvala (África do Sul)

 

 

 

BRASIL: Weverton; Zeca, Marquinhos, Rodrigo Caio e Douglas Santos (William); Thiago Maia, Renato Augusto (Rafinha) e Felipe Anderson (Luan); Gabriel, Gabriel Jesus e Neymar
Técnico: Rogério Micale

 

 

 

ÁFRICA DO SUL: Khune; Mobara, Mathoho, Coetzee e Modiba; Mvala, Mekoa e Motupa; Masuku (Morris), Dolly e Mothiba
Técnico: Owen da Gama

 
No final do Jogo foram ouvidas vaias por parte da torcida, que ficou decepcionada com o jogo e com o resultado da partida