Futebol – Corinthians: Morreu Marlene Matheus a primeira e única Mulher a comandar um dos Grandes Clubes do Futebol Paulista.

Morreu Marlene Matheus a primeira e única Mulher a comandar um dos Grandes Clubes do Futebol Paulista.

 

Marlene Matheus, presidente do Corinthians de 1991 a 1993, morreu aos 82 anos na terça-feira, em São Paulo.

Marlene nasceu no tradicional bairro do Brás. Bailarina de flamenco, conheceu Vicente Matheus durante as comemorações pela conquista do título paulista do IV Centenário, em 1954. Casaram-se em 14 de agosto de 1968. Em 1971, quando Matheus retornou ao Corinthians como vice-presidente, Marlene começou a trabalhar na parte social do clube. Desde então, se tornou uma das figuras mais populares do alvinegro. Sem poder concorrer novamente à presidência, Vicente seguiu os conselhos do amigo Mário Campos (falecido anos antes), e endossou o nome de Marlene como sua sucessora.

 

 

Os associados aprovaram a ideia e a elegeram em 1991 com 2.119 votos, tornando-a a primeira mulher à frente de um grande clube brasileiro. Em 1993, na ratificação do Conselho Deliberativo, Alberto Dualib, então presidente do órgão, organizou um golpe para afastá-los do comando. No ano seguinte, uma mudança estatutária impediu a realização de eleições no Parque São Jorge. Vicente e Marlene, unidos a outros opositores, pediram na justiça o afastamento dele. Em 1997, a morte do lendário presidente corintiano a deixou sozinha na luta pela devolução do Corinthians ao povo. Marlene foi membro nata do CORI (Conselho de Orientação) e foi contra a parceria com a MSI, repetindo o gesto das tentativas anteriores. Através de uma aliança com Andrés Sanches, líder do Movimento Renovação & Transparência, disputou uma vaga no conselho deliberativo, como conselheira quadrienal. A eleição confirmou seu carisma, na primeira vitória importante contra Dualib.

 

 

Veja a nota de pesar publicada pelo Corinthians:

 

 

“O Sport Club Corinthians Paulista informa com pesar o falecimento de Marlene Matheus, a primeira e única presidente mulher da história do clube até aqui.

Marlene Matheus se casou com Vicente Matheus, histórico presidente corinthiano, em 1968. Desde então, passou a ser figura importante no quadro social e político alvinegro. Em 1991, Marlene Matheus se elegeu presidente do Corinthians, a primeira mulher que conseguiu este cargo na história do clube do Parque São Jorge.

Mesmo após sua gestão, entre 1991 e 1993, Marlene Matheus nunca deixou de ser uma das figuras mais importantes do Alvinegro.

O Sport Club Corinthians Paulista lamenta profundamente o falecimento e deseja força aos familiares neste momento de luto e dor. Assim que o clube tiver confirmações a respeito do velório e sepultamento de Marlene Matheus, esta nota será atualizada com as informações.”

 

 

Da Redação com informações da Wikipédia e Corinthians