Fórmula Truck – GP Petrobras: Leandro Totti vence de ponta a ponta a Truck em Campo Grande.

De cima do MAN Latin América, Leandro Totti comemora a vitória em Campo Grande. (Orlei Silva)
De cima do MAN Latin América, Leandro Totti comemora a vitória em Campo Grande. (Orlei Silva)

 

 

Leandro Totti ganhou o GP Petrobras, disputado na tarde deste domingo no Autódromo de Campo Grande, e assumiu a liderança da Fórmula Truck. Desde o primeiro treino desta segunda etapa da mais popular categoria do automobilismo continental Totti mostrou a força do seu caminhão MAN Latin América, pois ficou na frente em praticamente todos os treinos livres, além de ter feito a pole position na pista, mas ter sido desclassificado por excesso de fumaça, o que o levou a largar na sétima posição. Com isso, ele marcou 52 dos 53 pontos possíveis, pois também fez as duas melhores voltas.

 

 

Logo na largada Totti partiu para cima dos adversários que confessaram não ter como segurá-lo. A superioridade dele era tão grande que, na quarta volta, assumiu a liderança depois que o MAN Latin América de seu companheiro de equipe, Felipe Giaffone, ter apresentado problema. Daí em diante ele administrou a primeira parte da etapa, terminou na frente, repetiu a dose na segunda metade e conquistou a 17ª vitória na carreira.

 

 

“Meu caminhão estava muito bem desde os primeiros treinos e só tive um probleminha durante a corrida, que acabei superando. Também tive um pouco de dificuldade com o freio no final da corrida. É muito bom voltar ao lugar mais alto do pódio e ainda por cima assumir a liderança da Fórmula Truck”, disse Totti.

 
O segundo lugar ficou com Paulo Salustiano (Mercedes-Benz), seguido por Djalma Fogaça (Ford), o único piloto presente nos dois pódios da temporada, pois em Caruaru ele também foi o terceiro. Beto Monteiro (Iveco) ficou em quarto lugar e Jaidson Zini (Iveco) marcou seu primeiro pódio na Fórmula Truck com o quinto posto.

 

 

A terceira etapa da categoria acontece dia 17 de maio no Autódromo Ayrton Senna, em Londrina, Paraná.

 

 

 

 

Resultado da primeira fase do GP Petrobras, a segunda etapa da temporada da Fórmula Truck:

 

 

1) Leandro Totti (MAN Latin América), 27min37s557

2) Paulo Salustiano (Mercedes-Benz), a 0s744

3) Djalma Fogaça (Ford), a 1s728

4) Adalberto Jardim (MAN Latin América), a 6s637

5) Beto Monteiro (Iveco), a 7s816

6) Gustavo Magnabosco (Scania), a 19s415

7) Jaidson Zini (Iveco), a 22s413

8) Rogério Castro (Mercedes-Benz), a 24s100

9) David Muffato (Scania), a 28s555

10) Pedro Muffato (Scania), a 33s535

11) Régis Boessio (Volvo), a 39s032

12) Luiz Lopes (Iveco), a 41s821

13) Alex Fabiano (Volvo), a 42s246

14) Roberval Andrade (Scania), a 2 voltas

15) Gabriel Correa (Ford), a 2 voltas

16) Wellington Cirino (Mercedes-Benz), a 4 voltas

17) Diogo Pachenki (Mercedes-Benz), a 4 voltas

18) Raijan Mascarello (Ford), a 4 voltas

19) Felipe Giaffone (MAN Latin América), a 5 voltas

20) André Marques (MAN Latin América), a 5 voltas

21) Fabiano Brito (Scania), a 6 voltas

22) Débora Rodrigues (MAN Latin América), a 7 voltas

 

 

Melhor volta: Leandro Totti (MAN Latin América), 1min47s531, média de 117,5 km/h

 

 

Resultado da segunda fase do GP Petrobras, a segunda etapa da temporada da Fórmula Truck:

 

1) Leandro Totti (MAN Latin América), 27min14s513

2) Paulo Salustiano (Mercedes-Benz), a3s200

3) Djalma Fogaça (Ford), a 12s862

4) Beto Monteiro (Iveco), a 17s143

5) Jaidson Zini (Iveco), a 1min02s336

6) David Muffato (Scania), a 1min06s777

7) Alex Fabiano (Volvo), a 1min48s761

8) Pedro Muffato (Scania), a 2 voltas

9) Gustavo Magnabosco (Scania), a 4 voltas

10) Diogo Pachenki (Mercedes-Benz), a 4 voltas

11) Adalberto Jardim (MAN Latin América), a 5 voltas

12) Luiz Lopes (Iveco), a 8 voltas

13) Roberval Andrade (Scania), a 11 voltas

14) Rogério Castro (Mercedes-Benz), a 12 voltas

15) Régis Boessio (Volvo), a 14 voltas

 

 

Melhor volta: Leandro Totti (MAN Latin América), 1min47s788, média de 117,2 km/h

 

 

Os dez primeiros do campeonato de pilotos:

 

 

1) Leandro Totti (MAN Latin América), 80 pontos

2) Djalma Fogaça (Ford), 78

3) Beto Monteiro (Iveco), 63

4) Jaidson Zini (Iveco), 56

5) Felipe Giaffone (MAN Latin América), 54

6) Paulo Salustiano (Mercedes-Benz), 51

7) Gustavo Magnabosco (Scania), 47

8) Pedro Muffato (Scania), 46

9) Wellington Cirino (Mercedes-Benz), 44

10) Diogo Pachenki (Mercedes-Benz), 42.

 

 

Campeonato de marcas:

 
1) MAN Latin América, 156

2) Mercedes-Benz, 143

3) Iveco, 119

4) Scania, 97

5) Ford, 97

6) Volvo, 32

 

 

CALENDÁRIO DE 2015

 

  • 1º de março – Caruaru (PE)
  • 12 de abril – Campo Grande (MS)
  • 17 de maio – Londrina (PR)
  • 14 de junho – Brasília (DF)
  • 12 de julho – Goiânia (GO)
  • 9 de agosto – Santa Cruz do Sul (RS)
  • 13 de setembro – Curitiba (PR)
  • 4 de outubro – Guaporé (RS)
  • 8 de novembro – Cascavel (PR)
  • 6 de dezembro – São Paulo (SP)

 

 

O Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck tem a supervisão da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA) e patrocínio master da Petrobras e Crystal. As fabricantes de caminhões são Iveco, Ford, MAN Latin America, Mercedes-Benz, Volkswagen, Scania e Volvo.

 

 

Com informações de Milton Alves – Comunicação da Fórmula Truck

  • Mais informações www.formulatruck.com.br
  • facebook.com/formulatruckoficial
  • twitter.com/formula_truck
  • instagram.com/formulatruckoficial