Esporte – Natação: Daniel Dias brilhou no Open Loterias Caixa conquistando 03 medalhas de ouro, em São Paulo

Daniel Dias brilhou no Open Loterias Caixa conquistando 03 medalhas de ouro, em São Paulo – Foto: Assessoria de Comunicação do Comitê Paralímpico Brasileiro

 

Na piscina do CT Paralímpico, em São Paulo, que teve início na sexta-feira, 27, ocorreram diversas provas rápidas no Open Internacional Loterias Caixa de Natação. Destaque para Daniel Dias, que amealhou dois ouros e foi o principal nome do evento.

 

 

 

 

Vale lembrar que as finais foram balizadas com base no Índice Técnico Competitivo (ITC). Na final A dos 50m livre e também nos 50m costas masculino, o multimedalhista paralímpico Daniel Dias, classe S5, sagrou-se campeão.

 

 

 

 

Daniel Dias se classificou com o maior ITC para a final A dos 50m livre. Ao cair na água, ele fez 32s31 e com 101.123% de ITC conquistou a medalha de ouro. O chileno Alberto Caroly, classe S2, bateu o recorde das Américas em sua classe e conquistou a prata. Outros destaques da natação brasileira também nadaram a mesma final, como Phelipe Rodrigues, da classe S10. Apesar de Phelipe ter batido na frente (23s50) o seu ITC foi menor (99.585%) e por isso recebeu a medalha de bronze. Ruiter Gonçalves (S9) ficou em quarto lugar e bateu o recorde brasileiro de sua classe.

 

 

 

 

“Estou feliz com o meu desempenho, e vi a galera melhorando muito os seus tempos e isso me deixa feliz. O Ruiter já tinha batido o recorde nas eliminatórias e agora conseguiu melhorar mais, é uma geração forte e que tem muito a somar para o Brasil”, declarou Daniel Dias.

 

 

 

 

Nos 50m costas, Daniel também faturou o ouro. Completaram o pódio o chileno Alberto Caroly (S2) e o turco Beytuallah Eroglu (S5).

 

 

 

 

Vinte e quatro vezes medalhista paralímpico, Daniel sagrou-se campeão no ano passado da World Series de natação – circuito que é promovido pelo Comitê Paralímpico Internacional (IPC, em inglês) e do qual o Open faz parte.

 

 

 

 

No sábado, 28, foi a vez de ele encarar os 100m livre e vencer – prova da qual é o atual tricampeão paralímpico. Além de competir em São Paulo, Daniel ainda deve nadar as etapas da World Series de Sheffield (Grã-Bretanha) e Lignano Sabbiadoro (Itália).

 

 

 

 

Campeão da World Series de natação em 2017, o paulista Daniel Dias teve uma performance relevante na busca para reter o título da competição. Os resultados das provas foram computados por meio do Índice Técnico Competitivo (ITC), um fator que avalia os desempenhos independente das classes as quais os atletas pertencem. Vinte e quatro vezes medalhista paralímpico, Daniel Dias segue firme em sua preparação dentro de mais um ciclo paralímpico.

 

 

 

 

Ao todo, 400 atletas participam do Open Loterias Caixa, sendo 226 do atletismo e 174 da natação. Ao todo, 13 países estão representados: África do Sul, Argentina, Brasil, Chile, Cuba, Equador, El Salvador, Gana, Israel, México, Peru, Portugal e Turquia. As disputas da natação fazem parte da World Series, circuito organizado pelo IPC.

 

 

 

Da Redação com informações provenientes da Assessoria de Comunicação do Comitê Paralímpico Brasileiro