Esporte – Natação: Brasil termina Mundial de Natação da INAS em primeiro no quadro de medalhas

Brasil termina Mundial de Natação da INAS em primeiro no quadro de medalhas

O Brasil ficou em primeiro no quadro de medalhas no Campeonato Mundial de Natação da INAS (Federação Internacional de Esportes para Deficientes Intelectuais, na sigla em inglês), realizado de 28 de novembro a 3 de dezembro, em Águascalientes, no México. Foram 25 ouros, dez pratas e oito bronzes no total, somando a classe S14 e os grupos de teste da competição, compostos por atletas com síndrome de down, jovens e autistas.

 

 

Na delegação brasileira, Ana Karolina Soares foi o destaque da classe S14 com quatro ouros. Caíque Aimoré foi o destaque do grupo com síndrome de down com sete ouros conquistados. Ana já havia conquistado bons resultados neste ano: nas Paralímpiadas Escolares, realizadas no Centro de Treinamento Paralímpico de 21 a 24 de novembro, a jovem conquistou o ouro nos 100m livres para o estado de São Paulo.

 

 

 

Em setembro, impressionou em uma competição promovida pela Associação Brasileira de Desportos para Deficientes Intelectuais (ABDEM), batendo recordes nos 100m livre, 100m costas, 50m e 100m borboleta e 4x100m livre misto.

 

 

 

A atleta de 17 anos foi diagnosticada com déficit de atenção e começou a nadar aos quatro anos. Ela chegou a competir com atletas convencionais, mas, não conseguia acompanhar os resultados. Há apenas um ano recebeu o convite para conhecer o esporte Paralímpico.

 

 

 

 

Da Redação com informações provenientes da Assessoria de Comunicação do Comitê Paralímpico Brasileiro