Copa Sul-Americana 2018 – Aguirre exalta confiança com vitórias e planeja alterações no São Paulo

São Paulo

Na véspera do confronto com o Colón-ARG pela segunda fase da Copa Sul-Americana, o técnico Diego Aguirre concedeu entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira (01). Buscando aproveitar o bom momento recente para sair na frente durante a eliminatória, o comandante exaltou o aumento da confiança com as vitórias.

“Tentamos dar um bom treino, que os jogadores entendam o que fazer, dar intensidade, transmitir ideias. As vitórias vão dando credibilidade, confiança, e isso começa a crescer”, apontou o uruguaio que acredita no trabalho coletivo e entrega dos atletas para conseguir manter a sequência de quatro triunfos seguidos.

“Mas o mais importante é a atitude dos jogadores, a vontade de vencer. Juntos, estamos dando o máximo para que o São Paulo volte a estar como está agora, brigando por coisas importantes. Não tem nada de especial. O mais importante é a entrega dos jogadores”, emendou.

O treinador sabe que a sequência das partidas desgastou diversos atletas do elenco e considera realizar as alterações mediante a situação que a maioria se encontra, mas sem mudar o estilo de jogo que vem funcionando bem.

“Os que mais se desgastam, pela posição do campo, são Rojas e Everton, que correm mais distância. São os que podem sentir a mais. A sequência de jogos, quando joga domingo e quarta os 90 minutos, é que começa a ter riscos de lesão. Temos que avaliar. Não queremos mudar muito, porque estamos bem, mas às vezes é necessário trocar alguma peça para que o time não perca a identidade”, apontou Aguirre.

Mesmo atuando bem na Série A, a conquista do título continental é uma das metas da equipe. “Para nós, o título é um objetivo. Mas é uma competição muito difícil. Não pode pensar que tem um jogo difícil. É tão difícil como o Brasileiro. Temos que pensar nas duas competições”, finalizou Diego Aguirre.

O São Paulo entra em campo na noite desta quinta-feira (02) contra o Colón-ARG, às 19h30, no Estádio do Morumbi, pela partida de ida da segunda fase da Copa Sul-Americana.

Fonte: FPF