Copa do Brasil 2018 – Oitavas de Final: Flamengo vence a Ponte Preta no estádio Moisés Lucarelli em Campinas.

Flamengo vence a Ponte Preta no estádio Moisés Lucarelli em Campinas.

 

A Ponte Preta perdeu para o Flamengo por 1 a 0 em Campinas, com gol de Henrique Dourado após troca de passes pela esquerda e assistência de Lucas Paquetá. A partida no estádio Moisés Lucarelli marcou o reencontro do time da casa com a sua torcida após mais de três semanas. Com o resultado desta quarta-feira, os cariocas jogam por um empate no jogo da volta das oitavas de final da Copa do Brasil. O gol fora de casa não é critério de desempate.

 

 

 

 

O time de Doriva vem atuando com portões fechados na Série B do Campeonato Brasileiro por uma punição no Supremo Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pela invasão de campo em 2017, no jogo que decretou o rebaixamento. A última vez que contou com o apoio nas arquibancadas foi no dia 11 de abril, contra o Náutico, também na Copa do Brasil, quando venceu por 3 a 0. De lá pra cá foram mais dois jogos em casa na Série B.

 

 

 

 

 

Campeã do Troféu do Interior no Paulistão Itaipava, a Ponte Preta não vive um bom momento na segunda divisão do Campeonato Brasileiro, vem de derrota para o Londrina no último sábado por 1 a 0 e aparece na parte debaixo da classificação, com apenas três pontos. Do outro lado, o Flamengo sofre críticas da torcida pelas atuações na Libertadores, apesar de ser vice-líder do Grupo D, com seis pontos. No Brasileirão é líder, com sete pontos.

 

 

 

 

O Flamengo precisou de apenas seis minutos para chegar com perigo. Pela esquerda, Rodinei cruzou na medida para Léo Duarte, que testou firme para o fundo das redes. A arbitragem viu falta do zagueiro em cima de Tiago Real e anulou o lance. A Ponte Preta buscava trabalhar a bola, mas não encontrava espaço para abrir o placar e por isso arriscava de fora da grande área, mas também sem assustar o goleiro Diego Alves.

 

 

 

 

Mas o Flamengo conseguiu encontrar o gol da vitória em boa troca de passes pela esquerda. Éverton Ribeiro recebeu com espaço na intermediária e poderia arriscar contra o gol, mas preferiu acionar Lucas Paquetá, que se enfiou no meio da marcação e cruzou rasteiro para Henrique Dourado, no segundo pau, apenas escorar para o fundo das redes, aos 30 minutos de bola rolando. O goleiro Ivan até tentou, mas não conseguiu chegar na bola.

 

 

 

 

A resposta da Ponte Preta veio aos 41 minutos, em jogada criada por Tiago Real. Foi a primeira bola trabalhada do time da casa. O meia tabelou com Felippe Cardoso na entrada da grande área e soltou com Igor na direita, que ajeitou o corpo e bateu colocado, tirando tinta da trave do goleiro Diego Alves. O Flamengo passou a controlar a posse de bola e administrar o resultado na reta final do primeiro tempo.

 

 

Na etapa final, com 12 minutos, Felipe Saraiva dominou e tentou a jogada individual dentro da grande área, mas perdeu a dividida com René e acabou no chão. O árbitro entendeu que o lance foi normal, mas a torcida da Ponte ficou na bronca, pedindo a penalidade. Aos poucos o time da casa passou a crescer no jogo, mas sofria com a falta de pontaria. Com 33 minutos aconteceu o lance mais claro da partida.

 

 

 

Enquanto o Flamengo trocava passes na defesa, a Ponte ensaiou uma pressão, que quase deu certo. Isso porque o zagueiro Léo Duarte escorregou e deixou Felippe Cardoso frente a frente com Diego Alves, mas o chute explodiu no travessão e voltou nos pés do atacante, que tentou de novo, desta vez rasteiro, para uma bela defesa do goleiro. Antes do apito final, aos 37, foi a vez de Vinícius Júnior sair na frente de Ivan, mas chutar por cima da meta.

 

 

 

O jogo de volta na Copa do Brasil está marcado para a próxima quinta-feira, dia 10, às 19h30, desta vez no Maracanã, no Rio de Janeiro. A Ponte Preta precisa vencer por dois gols diferença para avançar; se vencer por um gol a decisão vai para os pênaltis e o empate ou a derrota no tempo normal classifica o Flamengo para as quartas de final.

 

 

 

 

Da Redação com informações provenientes da FPF