Copa do Brasil 2018 – Cuca lamenta ‘falta de eficácia’ após derrota em estreia no Santos

Santos

Nesta quarta-feira (1), Santos recebeu o Cruzeiro e perdeu pelo placar mínimo, na Vila Belmiro, pela primeira partida das quartas de final da Copa do Brasil. Em sua estreia, o técnico Cuca disse acreditar que a equipe alvinegra teve as melhores oportunidades, porém não conseguiu concluir da maneira correta.

“Se você bater em cima disso é pior, não dá para lamentar falta de sorte. Não tivemos eficácia, tivemos chances claras e não fizemos. Temos que ter calma porque as oportunidades vêm. Com uma ou duas vitórias, meninos ficam mais soltos e coisas acontecem mais fáceis”, diz o novo comandante santista.

O treinador analisou a partida e explicou as orientações do técnico adversário para o confronto eliminatório. “Se formos pegar jogo desde o primeiro tempo, vemos jogo com poucas chances, truncado, Cruzeiro faz marcação atrás e tenta sair, buscando o contra-ataque. Mano (Menezes) sabe jogar mata-mata, sabe que é importante não perder. Jogaram fechados e tivemos dificuldade pela falta de espaço. Tínhamos o controle, sem ceder o contra-ataque, bem posicionados, mas não era o suficiente. Jogamos um pouco melhor e fomos castigados com o gol que tomamos”, salientou.

Cuca também esclareceu sua escolha no meio com a entrada de Renato. “Com Alison, Renato e Pituca têm liberdade para serem meias, com bom toque de bola. Tivemos bom acerto de passes, choveu o dia todo e tivemos qualidade. Faltou definição, finalizar mais. Tivemos um chute de fora da área, é pouco. É propício da característica. Renato deu contribuição até quando sentimos que precisamos de pouco mais”, finalizou.

O Santos entra em campo neste sábado (04), no Rio de Janeiro, para enfrentar o Botafogo-RJ, às 16h, no Estádio Nilton Santos, pela 17ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.

Fonte: FPF