Circuito Mundial de Vôlei de Praia Feminino 2015: Ágatha e Barbara conquistam o Ouro em Praga.

OURO E BRONZE! Ágatha e Bárbara Seixas estrearam com ouro no Circuito Mundial. Elas venceram Sarah Pavan e Heather Bansley (CAN) na final do Open de Praga (RTC) por 2x0 (21/12 e 21/18). O bronze foi para Duda e Elize Maia (SE/ES) que foram beneficiadas pela desistência de Maria Clara e Carolina, por lesão.
OURO E BRONZE! Ágatha e Bárbara Seixas estrearam com ouro no Circuito Mundial. Elas venceram Sarah Pavan e Heather Bansley (CAN) na final do Open de Praga (RTC) por 2×0 (21/12 e 21/18). O bronze foi para Duda e Elize Maia (SE/ES) que foram beneficiadas pela desistência de Maria Clara e Carolina, por lesão.

 

 

Antes mesmo da bola subir em Praga (RTC) neste domingo (24.05) as duplas brasileiras já tinham garantido duas medalhas na terceira etapa do Circuito Mundial 2015, faltava apenas definir as cores e as donas de cada uma delas. Depois da final, ouro para Ágatha e Barbara Seixas (PR/RJ) que venceram as canadenses Sarah Pavan (ex-Rexona-Ades) e Heather Bansley. O bronze foi para Duda/Elize Maia (SE/ES).

 

 
O torneio Open na capital da República Tcheca foi o terceiro do ano, mas a primeira competição internacional de Ágatha e Bárbara. A dupla, que em 2014 conseguiu um ouro, uma prata e dois bronzes, tem como foco neste ano a corrida olímpica que envolve as nove principais competições do circuito (cinco Grand Slams e quatro Major Series). A conquista veio de forma invicta, sete vitórias em sete jogos, culminando com o triunfo por 2×0 sobre Pavan/Bansley (CAN) (21/12 e 21/18), em 37 minutos de partida.

 

 

 
No primeiro set, Ágatha e Bárbara impuseram o ritmo de jogo e conseguiram abrir boa vantagem. O saque brasileiro entrou muito bem, atrapalhando as ações canadenses. Com bom volume defensivo e o alto aproveitamento dos contra-ataques, as representantes do Brasil conseguiram fechar em 21×12.

 

 

 

 
A segunda parcial teve um começo mais equilibrado com ambas as equipes trocando bolas sem nenhum dos lados conseguia abrir mais de um ponto até que Ágatha conseguiu um bloqueio sobre Bansley e fez 7/5. Aliás, o bloqueio da paranaense foi o fiel da balança no set com o aumento no volume de jogo canadense. A partir do décimo segundo ponto a dupla do Brasil assumiu o controle do jogo e administrou a disputa até fechar em 21×18.

 

 

 

 
“Vencer aqui hoje ajuda a deixar de lado nosso desapontamento no Grand Slam de Barueri (SP), no ano passado, quando elas nos venceram e nos eliminaram. Esta é uma ótima maneira de começar a temporada internacional. As próximas quatro semanas serão muito intensas e difíceis, vencer hoje nos motiva e traz bastante confiança para nosso time”, comentou Bárbara Seixas.

 

 

 
Primeiro Bronze

 

 

 
O terceiro lugar ficou com Duda/Elize Maia (SE/ES) que nem precisaram entrar em quadra. Com a desistência de Maria Clara/Carol (RJ), em razão de uma contusão abdominal de Maria Clara, a dupla formada pela sergipana e a capixaba, que iniciaram recentemente a parceria, conseguiu a primeira medalha no Circuito Mundial de cada uma das atletas. Apesar das dores, Maria Clara não deixará de participar do primeiro Grand Sland da temporada, que acontece em Moscou (RUS), entre 26 e 31 de maio.

 

 

 

 

Da redação com informações provenientes da CBV