Circuito Mundial de Vôlei de Praia 2019 – Jinjiang (China): Brasileiras começam torneio na China com quatro vitórias em cinco jogos

Maria Elisa ataca observada por Carol Solberg (Créditos: Divulgação/FIVB)

 

 

As duplas brasileiras começaram o torneio feminino da etapa quatro estrelas de Jinjiang (China) do Circuito Mundial de vôlei de praia 2019 com quatro vitórias em cinco jogos. Ágatha/Duda (PR/SE), Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE), Carol Solberg/Maria Elisa (RJ) e Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ) largaram com triunfos na madrugada desta quinta-feira (23.05) – tarde de quinta na China. Talita/Taiana (AL/CE) foram superadas, mas seguem com chances.

 

 

Os cinco times brasileiros voltam a jogar na noite desta quinta-feira e madrugada de sexta-feira, no horário de Brasília (DF). Quem venceu na estreia, joga pela liderança do respectivo grupo e vaga às oitavas de final. Já Talita e Taiana, que acabaram superadas, precisam da vitória para irem à repescagem e seguirem na competição da FIVB.

 

 

 

Carol Solberg e Maria Elisa começaram a competição superando as finlandesas Niina Ahtiainen/Riikka Lehtonen por 2 sets a 0 (22/20, 21/13), em 36 minutos. Elas encaram as japonesas Ishii e Murakami às 21h50 desta quinta, valendo a liderança do grupo F. Maria Elisa analisou o primeiro passo e o confronto contra o time do Japão.

 

 

 

“Foi uma vitória importante para o nosso objetivo neste torneio. Está ventando um pouco e o cuidado com os detalhes, os fundamentos, tem feito toda a diferença. Agora teremos pela frente as japonesas que têm um saque muito bom e muito domínio de bola. Uma vitória sobre elas será importante para avançarmos para as oitavas de final”, disse.

 

 

 

No grupo B, Ana Patrícia e Rebecca superaram no primeiro jogo as chinesas Bing Bai/Lvwen Yuan por 2 sets a 1 (21/11, 19/21, 15/11), em 42 minutos. Elas disputam o primeiro lugar da chave contra as holandesas Stubbe/Van Iersel às 21h desta quinta-feira.

 

 

 

Ágatha e Duda também começaram com o pé direito, vencendo as gregas Arvaniti/Karagkouni por 2 sets a 0 (21/11, 21/18), em 28 minutos. As atuais campeãs do Circuito Mundial encaram as norte-americanas Flint/Day às 21h desta quinta valendo a primeira colocação da chave C.

 

 

 

As atuais campeãs brasileiras Fernanda Berti e Bárbara Seixas também venceram na estreia, superando as espanholas Angela Lobato/Amaranta Navarro por 2 sets a 0 (22/20, 21/19), em 50 minutos. A definição da primeira colocação na chave G será contra as alemãs Julia Sude e Karla Borger, às 21h50 desta quinta-feira.

 

 

 

Talita e Taiana acabaram superadas pelas japonesas Murakami/Ishii na estreia: 2 sets a 0 (27/25, 21/9), em 37 minutos. A disputa por uma vaga na repescagem no grupo F será contra as finlandesas Niina Ahtiainen/Riikka Lehtonen, derrotadas por Carol/Maria, em duelo às 1h10 desta sexta-feira.

 

 

 

A fase de grupos em Jinjiang tem oito chaves com quatro duplas cada, jogando entre si. Os primeiros colocados avançam direto às oitavas de final (Round 2), enquanto segundos e terceiros disputam uma rodada extra, a repescagem (Round 1), e a partir desta fase, os jogos seguem no formato de eliminatória direta, com oitavas, quartas, semifinais e finais.

 

 

 

Jinjiang recebeu um torneio do Circuito Mundial pela primeira vez em 2018, sem a participação de duplas brasileiras. Na ocasião, os norte-americanos Mayer/Crabb e as japonesas Mizoe/Hashimoto ficaram com a medalha de ouro.

 

 

 

Os torneios do Circuito Mundial são divididos em estrelas (uma até cinco). Jinjiang é o quarto torneio nível quatro estrelas disputado em 2019. Outros cinco desta categoria serão realizados até o final do ano. com distribuição de cerca de R$ 1,2 milhão em prêmios para todos os times em disputa, sendo cerca de R$ 80 mil para a dupla campeã de cada naipe. A competição também dará 800 pontos aos campeões em cada naipe.

 

 

 

Da Redação com informações provenientes da CBV