Circuito Mundial de Vôlei de Praia 2015 – Grand Slam de Moscou: Larissa e Talita vencem as Holandesas na Rússia e conquistam o quinto ouro seguido na competição.

Larissa e Talita vencem as Holandesas  na Rússia e conquistam o quinto ouro seguido na competição.
Larissa e Talita vencem as Holandesas na Rússia e conquistam o quinto ouro seguido na competição.

 

 

 

O Brasil começou subindo ao lugar mais alto do pódio no primeiro Grand Slam do Circuito Mundial 2015, na Rússia. Larissa e Talita (PA/AL) superaram as holandesas Madelein Meppelink e Marleen Van Iersel por 2 sets a 0 (21/17, 21/14), em 40 minutos, neste domingo (31.05), e conquistaram a etapa de Moscou. De quebra, a capixaba e a sul-mato-grossense largam na frente da corrida olímpica brasileira, que define uma das vagas aos Jogos de 2016.

 

 

A marca também fez Larissa ultrapassar uma grande rival. Com a 51ª medalha de ouro em circuitos mundiais, a heptacampeã do torneio ultrapassa a tricampeã olímpica Kerri Walsh, que tem uma conquista a menos. Talita, por sua vez, chega ao 23º título do torneio. É a quinta conquista seguida da dupla, que em 2014 já tinha vencido os Grand Slams da Áustria, Polônia e Brasil, além do Open da Argentina. Esta foi a primeira participação delas em 2015.

 

 

 

 

“Ganhar é sempre muito bom, tenho experiências muito positivas aqui em Moscou, já havia vencido a competição. E toda a vez a torcida é vibrante, passa uma energia muito boa. Às vezes acho que meu nome é russo, porque as pessoas me chamam ‘Larissa, Larissa’, e eu penso até que são brasileiros. Estávamos bem concentradas, e deu tudo certo”, comemorou Larissa, que foi campeã pela última vez em Moscou em 2009, ao lado de Juliana.

 

 

 

 

Com o título em Moscou, além da premiação de 57 mil dólares, a dupla soma 800 pontos na classificação do Circuito Mundial e lidera a corrida olímpica entre os times brasileiros que disputam a vagas às Olimpíadas do Rio 2016. “Começar com o pé direito é importantíssimo. O trabalho que a gente fez ao longo dos últimos meses para estar aqui foi muito grande, então estamos muito felizes com nosso objetivo”, completou Larissa.

 

 

 

O jogo

 

 

Desde o primeiro dia de disputa do Grand Slam de Moscou, a torcida local apoiou as duplas brasileiras. Na decisão, o clima não foi diferente. Com a arena central lotada e a torcida amplamente a seu favor, Larissa e Talita saíram na frente do placar. As holandesas, com o bloqueio muito forte de Meppelink, igualaram as ações, com 5 a 5, e viraram para 8 a 6, após ace de Van Iersel.

 

 

 

 

A resposta veio de maneira imediata, com Larissa anotando pontos em sequência e virando o jogo em 11a 10. Bem na partida, o time verde e amarelo manteve a frente, e abriu três pontos na reta final do set, para fechar a etapa em 21 a 17.

 

 

 

 

Com moral no jogo, as campeãs brasileiras abriram 3 a 1 no início do segundo set, após belo bloqueio de Talita, e deixou o publico russo em êxtase, após um belo rally que resultou na vantagem de 5 a 4. Os times se alternaram na liderança do placar até Larissa e Talita alcançarem 15 a 12.

 

 

 

 

Quando a diferença aumentou para 20 a 14, a vitória não sairia mais das mãos do Brasil. Em um erro adversário, Larissa e Talita fecharam o set em 21 a 14, e o jogo em 2 sets a 0, sendo aplaudidas de pé pelos torcedores – coincidentemente, no exato momento em que no Brasil a seleção masculina fechava o terceiro set por 25/22 e vencia a Sérvia pela Liga Mundial.

 

 

 

 

A corrida olímpica brasileira será definida da seguinte forma: uma dupla masculina e uma dupla feminina conquistarão a classificação para a Olimpíada de 2016 pela pontuação obtida nos nove principais eventos do Circuito Mundial 2015, previamente definidos. Os times poderão descartar os dois piores resultados ao longo da temporada.

 

 

 

 

Em 2015, o calendário do Circuito Mundial prevê cinco Grand Slams, três Major Series, dez Opens, o Campeonato Mundial e o World Tour Finals, que reunirá apenas os oito melhores times da temporada de cada gênero. Cada torneio possui pontuação e premiação distintas, mas serão distribuídos ao todo mais de 9,6 milhões de dólares. A próxima etapa ocorre de 2 a 7 de julho, com o Major Series de Porec, na Croácia.

 

 

 

 

BRASIL NO CIRCUITO MUNDIAL 2015

 

 

 

 

Open de Praga
Ágatha e Bárbara Seixas – ouro
Elize Maia e Duda – bronze

 

 

 

Grand Slam de Moscou
Larissa e Talita – ouro
Evandro e Pedro Solberg – prata

 

 

 

Da Redação com informações provenientes da CBV