Cicuito Mundial de Vôlei de Praia 2015: Larissa e Talita brigarão por medalhas no Major Series de Porec na Croácia.

Larissa e Talita
Larissa e Talita

 

 

Campeãs do Grand Slam de Moscou no último final de semana, Larissa e Talita (PA/AL) brigarão por medalhas novamente. A dupla venceu duas vezes nesta sexta-feira (05.06), pelas oitavas e quartas de final, e enfrenta as canadenses Jamie Broder e Kristina Valjas por uma vaga na decisão. A partida acontece neste sábado (06.06), a partir das 7h (horário de Brasília). A final do torneio ocorre no mesmo dia, às 13h, com transmissão ao vido do SporTV 3.

 

 

Será a primeira partida entre os dois times, que nunca tinham se encontrado com essas formações. Enquanto a dupla brasileira chega com cinco vitórias em cinco jogos, as canadenses, que vieram do qualificatório, somam seis vitórias e duas derrotas. A outra semifinal terá as canadenses Heather Bansley e Sarah Pavan Canada enfrentando as australianas Louise Bawden e Taliqua Clancy.

 

 

 

 

As brasileiras conquistaram as últimas cinco etapas de Circuito Mundial que disputaram. Nesta sexta elas começaram vencendo as finlandesas Lehtonen/Lahti por 2 sets a 0 (23/21, 21/15), em 37 minutos. Na segunda rodada do dia, já pelas quartas de final, vitória de virada sobre as norte-americanas Fendrick e Sweat: 2 sets a 1 (17/21, 21/12, 15/11), em 50 minutos.

 

 

 

 

Também pelas oitavas de final, Ágatha e Bárbara Seixas (PR/RJ) atropelaram as polonesas Kolosinska e Brzostec. Com uma atuação tranquila, a paranaense e a carioca tiveram o domínio total do jogo e venceram com parciais de 21/15 e 21/13, em 36 minutos. Horas mais tarde, porém, elas não conseguiram repetir a atuação de mais cedo e foram superadas justamente por Valjas e Broder, por 2 sets a 0 (21/18 e 21/12), em 38 minutos, encerrando sua participação no Major na quinta colocação.

 

 

 

Lili e Carolina Horta (ES/CE) ficaram em uma fase anterior, terminando na nona colocação. Elas foram derrotadas pelas australianas Louise Bawden e Taliqua Clancy por 2 sets a 0 (21/15, 21/17), em 34 minutos, ainda nas oitavas de final.

 

 

 

O Major Series de Porec será o primeiro de três na temporada do Circuito Mundial. Ele possui a mesma pontuação, formato e premiação que os Grand Slams. Será a primeira vez que a cidade de aproximadamente 17 mil habitantes recebe uma etapa do tour. De 2005 a 2008, a capital Zagreb recebeu torneios apenas no naipe masculino, com o Brasil liderando em ouros (dois), além de também ter conquistado um bronze.

 

 

 

A corrida olímpica brasileira será definida da seguinte forma: uma dupla masculina e uma dupla feminina conquistarão a classificação para a Olimpíada de 2016 pela pontuação obtida nos nove principais eventos do Circuito Mundial 2015 (cinco Grand Slams, três Major Series e Open do Rio de Janeiro). Os times poderão descartar os dois piores resultados ao longo da temporada.

 

 

 

Em 2015, o calendário do Circuito Mundial prevê cinco Grand Slams, três Major Series, dez Opens, o Campeonato Mundial e o World Tour Finals, que reunirá apenas os oito melhores times da temporada de cada gênero. Cada torneio possui pontuação e premiação distintas, mas serão distribuídos ao todo mais de 9,6 milhões de dólares.

 

 

 

Os times vencedores da etapa de Porec nos dois gêneros somam 800 pontos no ranking do Circuito Mundial e garantem um prêmio de 57 mil dólares. Ao todo, 400 mil dólares são distribuídos aos atletas em cada um dois gêneros. Logo após a Croácia, ocorre o Major Series de Stavanger, na Noruega, de 9 a 14 de junho.

 

 

 

 

 
Fonte: Da Redação com informações provenientes de Agências Nacionais e da CBV