Campeonato Sul-Americano de Clubes Masculino de Vôlei: Sada Cruzeiro vence e é campeão do Sul-Americano de Clubes pela quinta vez

Lance de jogo entre Sada Cruzeiro e Lomas, da Argentina (Créditos: Junior Neves Brito)

 

Representante brasileiro na final do Campeonato Sul-Americano de Clubes masculino de vôlei, o Sada Cruzeiro (MG) é campeão pela quinta vez da competição. A equipe cruzeirense conquistou o título na noite deste sábado (03.03) ao bater o Lomas, da Argentina, por 3 sets a 0 (25/19,25/18 e 25/20), no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros (MG).

 

 

 

Após a partida, os jogadores fizeram a festa junto com a torcida cruzeirense, que compareceu a Montes Claros. O técnico Marcelo Mendez comemorou, porém já pensando no retorno a Superliga Cimed masculina de vôlei 2017/2018.

 

 

 

 

“Nunca tem jogo fácil e hoje enfrentamos um time organizado, que joga bem. Fico feliz pelos meninos do lado de lá, que jogaram muito bem, com essa grande cultura que tem. Mas, o nosso time está de parabéns. Mais um Mundial de Clubes para o Sada Cruzeiro e estou muito feliz. Hoje vamos aproveitar, descansar dois dias e já recomeçamos na Superliga”, disse Mendez.

 

 

 

O líbero Serginho destacou o bom momento do seu time nesta final. “Foi um jogo difícil e uma final não pode ser diferente. Nosso time jogou muito bem mais uma vez. Na final, o nosso time cresce”, afirmou o experiente jogador do Sada Cruzeiro.

 

 

 

 

Na disputa pela medalha de bronze, o Montes Claros Vôlei (MG), que recebeu a competição, conseguiu o terceiro lugar ao bater o Bolívar, da Argentina, por 3 sets a 1, de virada (28/30, 25/23, 25/23 e 25/15). O líbero Alan comentou sobre a partida e comemorou o resultado.

 

 

 

“Foi um jogo nervoso e toda a equipe está de parabéns. Essa medalha vem para parabenizar e coroar esse grupo por toda dificuldade que passamos nessa temporada”, comentou Alan.

 

 

 

Da Redação com informações da CBV