Campeonato Paulista 2018 – Paulistão: Palmeiras mostra sua força e vence o Novorizontino por 3 a 0 no primeiro jogo quartas de final do Paulistão 2018

Palmeiras mostra sua força e vence o Novorizontino por 3 a 0 no primeiro jogo quartas de final do Paulistão 2018

 

Em jogo movimentado, o Palmeiras foi objetivo e venceu o Novorizontino por 3 a 0 no primeiro jogo das quartas de final do Paulistão Itaipava neste sábado (17). Dudu abriu o placar de pênalti, Willian ampliou e Keno fechou a goleada no estádio Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte. Na quarta-feira (21), às 21h45, os dois times voltam a se enfrentar, desta vez no Allianz Parque, em São Paulo. Com a vitória, o time de Roger Machado por até perder por dois gols que classifica.

 

 

 

 

 

O jogo começou movimentado em Novo Horizonte. Aos sete minutos, Tony disparou pela direita e cruzou forte em direção ao segundo pau. Jean Carlos, nas costas de Marcos Rocha, pegou de primeiro e soltou a bomba, mas a bola explodiu na trave e saiu. Em seguida, aos 15, Anderson Salles cobrou uma falta na intermediária e Alisson Safira testou firme no contrapé de Jaílson, animando a torcida no Jorge Ismael de Biasi.

 

 

 

 

 

Mas o Palmeiras precisou de apenas um lance para mudar a história da partida. Lucas Lima cruzou para Borja, o colombiano tentou a jogada, mas trombou com Tony e caiu na grande área. O árbitro assinalou o pênalti e amarelou o lateral do Novorizontino. Na cobrança, aos 20 minutos, Dudu pegou com força, jogou no cantinho e balançou as redes, sem chances para o goleiro Oliveira.

 

 

 

 

 

A vantagem no placar também esquentou o Palmeiras, que quase ampliou em seguida, aos 24. Willian recebeu pela esquerda, partiu em velocidade, fintou a marcação a bateu de chapa, exigindo boa defesa. O Novorizontino caiu de produção e perdeu a animação do início do jogo. Jaílson só foi trabalhar de novo aos 39, em um chute de longa distância de Juninho, que ficou nas mãos do goleiro.

 

 

 

 

 

No segundo tempo o time da casa voltou a pressionar. Com sete minutos, Thallyson avançou pela esquerda, ganhou espaço e cruzou na medida para Alisson Safira. O atacante testou firme, mas Jaílson apareceu para espalmar. Em seguida, Cleo Silva aproveitou um rebote dentro da área e bateu mascado, mas conseguiu encobrir o goleiro. A bola ia em direção ao gol, mas Victor Luís cortou em cima da linha, salvando o empate.

 

 

 

 

 

Em resposta, Willian poderia ter ampliado o placar na jogada seguida. Marcos Rocha puxou contragolpe e lançou o atacante na outra ponta. Ele recebeu e bateu tirando do goleiro, porém jogou pela linha de fundo. Aos 16, Lucas Lima tentou um passe no meio da marcação, contudo no bate e rebate ela sobrou para Dudu, que, de carrinho, tentou completar. Oliveira apareceu novamente para cortar.

 

 

 

 

 

Com 31, Keno acertou um lançamento longo em direção a Willian, que no quique da bola enganou o goleiro. O atacante, sem ninguém a sua frente, apenas completou para o fundo das redes. Antes do apito final, aos 43, Marcos Rocha arriscou um novo cruzamento, a bola bateu nas costas da marcação e sobrou limpa para Keno. Ele soltou o pé e fechou o marcador, sem nenhuma chance para Oliveira.

 

 

 

Da Redação com informações provenientes da FPF