Campeonato Paulista 2016 – Paulistão: Santos vence Ituano e se isola na liderança do Grupo A do Paulistão.

Gustavo Henrique marcou o primeiro do Santos: Foto: Site oficial do Santos.
Gustavo Henrique marcou o primeiro do Santos: Foto: Site oficial do Santos.

 

 

Com um gol de pênalti, marcado nos minutos finais da partida por Ricardo Oliveira, o Santos conquistou uma vitória suada diante do Ituano pelo placar de 2 a 1 na manhã deste sábado, na Vila Belmiro, pela 3ª rodada do Paulistão Itaipava. O clube da Baixada Santista se isola ainda mais na ponta do Grupo A.

 

 

 

Com o resultado, o Santos termina o sábado ainda invicto e na liderança do Grupo A, com sete pontos, enquanto o Ituano segue sem vencer. O clube de Itu ocupa a quarta posição do Grupo B, com dois. O primeiro é o Palmeiras, com quatro.

 

 

 

 

Após a vitória, por 2 a 0, diante da Ponte Preta, tudo indicava de que o Santos pouparia seus principais jogadores para o confronto frente ao Ituano. O técnico Dorival Júnior acabou descartando a possibilidade e mandou a campo força máxima. Com nomes como Lucas Lima, Gabriel e Ricardo Oliveira, o clube da Baixada Santista teve mais posse de bola e pressionou o rival por todo o primeiro tempo.

 

 

 

O Santos, porém, só foi abrir o marcador aos 47 minutos. Lucas Lima cobrou escanteio na cabeça de Gustavo Henrique, que subiu mais alto do que a defesa e cabeceou no ângulo esquerdo do goleiro Diego Neto. Perto do fim, não deu nem tempo para o Ituano dar uma resposta imediata e acabou indo para o intervalo atrás no placar.

 

 

 

O clube da casa voltou para o segundo tempo disposto a ampliar o marcador. Aos 12 minutos, Ricardo Oliveira tentou de falta. A bola bateu na barreira e sobrou para Lucas Lima, que rolou para Victor Ferrar arriscar. Diego fez a defesa. O goleiro ainda pegou tentativas de Lucas Lima e Gabriel na sequência.

 

 

 

Aos poucos, o Ituano foi adiantando sua marcação e chegou ao gol com Marcão. O árbitro, porém, pegou impedimento do jogador. No lance seguinte, não teve jeito. Aos 37 minutos, após cobrança de escanteio de Peri, Naylhor deixou tudo igual.

 

 

 

O Santos partiu para o tudo ou nada no final da etapa complementar e conquistou a vitória. Aos 51 minutos, após boa troca de passes, Ronaldo Mendes foi derrubado dentro da área por Raul Prata. O lateral foi expulso e a penalidade máxima foi marcada. Na cobrança, Ricardo Oliveira fez o segundo do time da casa.

 

 

 

 

Santos e Ituano voltam a campo apenas no próximo final de semana. O clube da Baixada Santista enfrenta o Novorizontino no sábado, às 21h, no Estádio Jorge Ismael de Biase, em Novo Horizonte. No mesmo dia, às 17h, a equipe de Itu pega o Oeste no Novelli Júnior.

 

 

 

 
FICHA TÉCNICA
SANTOS 2 x 1 ITUANO

 

 

Local: Vila Belmiro, 11 horas, sábado (06)
Árbitro: Douglas Marques das Flores (SP)
Auxiliares: Marcelo Van Gesse e Miguel Cataneo Ribeiro (SP)
Cartões amarelos: Elano e Lucas Lima (Santos FC); Luiz Felipe, Peri e Claudinho (Ituano)
Gols: Gustavo Henrique aos 47 minutos do 1º tempo; Naylhor aos 37 2º tempo; Ricardo Oliveira 52 minutos do 2º tempo
Cartão vermelho: Raul Prata (Ituano)
Renda/Público: R$ 215.590,00 / 5.501 pagantes

 

 

 

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, Gustavo Henrique, Lucas Veríssimo e Zeca; Thiago Maia, Renato (Vitor Bueno) , Lucas Lima; Gabigol (Elano), Ricardo Oliveira e Paulinho (Ronaldo Mendes). Técnico: Dorival Júnior

 

 

 

ITUANO: Diego; Raul Prata, Naylhor, Luiz Felipe e Peri; Jonatan Lima, Simião, Claudinho e Edinho (Marcão); Ruan (Igor) e Marcelinho (Fernando Viana). Técnico: Tarcísio Pugliese