Campeonato Brasileiro 2019 – Série B: Bragantino goleia o São Bento e abre nove pontos de vantagem na liderança da Série B.

Bragantino goleia o São Bento e abre nove pontos de vantagem na liderança da Série B. – Foto: Divulgação/Bragantino

 

Com três gols de Claudinho, Massa Bruta faz 3 a 0 sobre o Azulão e abre nove pontos de distância para o vice-líder da Série B
O Bragantino segue a passos largos rumo à Série A. Na noite desta sexta-feira (4), o Braga foi superior no Estádio Walter Ribeiro e venceu o São Bento-SP por 3 a 0, aumentando ainda mais a diferença para o Atlético-GO, atual vice-líder da Série B do Brasileirão. O duelo em Sorocaba (SP) foi válido pela 26ª rodada.

 

 

Com o resultado, o time do técnico Antônio Carlos Zago permanece isolado na liderança da Série B, agora com 54 pontos. Já os comandados do técnico Doriva estão na penúltima posição, com 24 somados. Confira como está a classificação da Série B!

 

 

O Braga teve ampla posse de bola em relação ao São Bento na etapa inicial: 77% em alguns momentos. Foram cinco finalizações dos visitantes contra três do time da casa. Em uma delas, logo no fim do período, Claudinho cobrou falta aos 43 minutos e colocou o líder da Série B em vantagem no placar.

 

 

O árbitro mal autorizou o início do segundo tempo e o Bragantino ampliou. Logo aos três minutos, Claudinho chutou de fora da área e fez o segundo dos paulistas. Mais tarde, aos 32, o mesmo Claudinho deixou a partida ainda mais confortável para os visitantes: o atacante bateu forte, rasteiro, e marcou o terceiro. Foi o 16º triunfo da Massa Bruta em 26 jogos na Série B.

 

FICHA TÉCNICA

 

São Bento 0 x 3 Bragantino

Local: Estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba (SP)
Data: 4 de outubro de 2019, sexta-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)
Assistentes: Luiz Claudio Regazone (RJ) e Michael Correia (RJ)
Cartões amarelos: Dudu Vieira, Zé Roberto, Gerson, Paulinho Boia (São Bento), Ricardo Ryller (Bragantino)
Público: 2.018 torcedores // Renda: R$ 19.225, 00

GOLS:
Bragantino: Claudinho (43 minutos do 1º tempo, 3 minutos do 2º tempo e 32 minutos do 2º tempo)

São Bento: Renan Rocha; Joãozinho, Gerson, Joílson e Mansur; Juliano, Doriva (Paulinho Boia), Vinicius Kiss, Dudu Vieira (Zé Roberto); Arancibia (Cafu) e Fernandes.

Técnico: Milton Mendes

Bragantino: Júlio César; Aderlan, Léo Ortiz, Ligger e Edimar; Ricardo Ryller, Uillian Correia (Pedro Naressi) e Claudinho (Vitinho) ; Wesley, Ytalo (Robinho) e Roberson.
Técnico: Antônio Carlos Zago

 

 

Da Redação com informações da CBF