Campeonato Brasileiro 2019 – Série B: Botafogo recebe o Brasil de Pelotas no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto.

Botafogo recebe o Brasil de Pelotas no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto. – Imagem: Composição ©Portal Bragança

 

Vice-líder do Campeonato Brasileiro da Série B, o Botafogo retoma a sua participação na competição diante do Brasil-RS neste sábado (13), às 18h, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto.

 

 

 

Para se manter entre os mais bem classificados, o Botafogo aposta no apoio do seu torcedor e nos gols de Rafael Costa, artilheiro tricolor no ano com 10 gols marcados, sendo três deles anotados na atual Série B.

 

 

 

O jogador fez uma projeção para o confronto contra os gaúchos. “Sabemos das dificuldades, é um clube do sul, jogam truncado, temos que ter paciência para furar esse bloqueio. Tem que manter a característica, pressionando, buscando o gol a todo o momento”, apontou Rafael Costa.

 

 

Da equipe que vinha atuando como titular, o técnico Roberto Cavalo não poderá contar com o atacante Júlio César, que sofreu uma pancada no joelho no período de preparação durante a pausa da Copa América. Com isso, o Botafogo deve ser escalado com Darley; Lucas, Luiz Otávio, Leandro Amaro e Pará; Jonatan, Willian Oliveira, Marlon Freitas e Murilo Erick Luis e Rafael Costa.

 

 

 

O Brasil iniciou a rodada na 13ª posição do nacional e teve de trocar o seu comandante durante o período sem jogos. O clube gaúcho apostou em Bolívar para o lugar de Rogério Zimmermann.

 

 

 

Sem tempo para implementar a sua filosofia de trabalho, o novo comandante gaúcho, que estava no Cianorte-PR, deve apostar na base usada pelo ex-treinador. Com isso, os 11 iniciais devem ser compostos por Carlos Eduardo; Ricardo Luz, Bruno Aguiar, Leandro Camilo e Sousa; Leandro Leite, Carlos Jatobá, Murilo Rangel, Marcinho e Douglas Baggio; Bruno Paulo.

 

 

Ficha técnica:
Botafogo x Brasil
Horário: 18h;
Local: estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto;

 

 

Botafogo: Darley; Lucas, Luiz Otávio, Leandro Amaro e Pará; Jonatan, Willian Oliveira, Marlon Freitas e Murilo Erick Luis e Rafael Costa. Técnico: Roberto Cavalo.

 

 

Brasil: Carlos Eduardo; Ricardo Luz, Bruno Aguiar, Leandro Camilo e Sousa; Leandro Leite, Carlos Jatobá, Murilo Rangel, Marcinho e Douglas Baggio; Bruno Paulo. Técnico: Bolívar.

 

 

 

Da Redação com informações provenientes da FPF