Campeonato Brasileiro 2018 – Série B: CSA derrotou o Paysandu com gol de Hugo Cabral e segue na briga por uma vaga na Série A

CSA derrotou o Paysandu com gol de Hugo Cabral e segue na briga por uma vaga na Série A - Foto:  Alisson Frazão/RCortez/CSA
CSA derrotou o Paysandu com gol de Hugo Cabral e segue na briga por uma vaga na Série A – Foto: Alisson Frazão/RCortez/CSA

 

 

O CSA segue firme na luta pelo acesso inédito à Série A do Brasileirão! Nesta terça-feira (2), a equipe alagoana voltou a triunfar pela Série B ao bater o Paysandu por 1 a 0, no Rei Pelé, em jogo válido pela 30ª rodada da Série B do Brasileirão. O gol da vitória foi marcado por Hugo Cabral, na segunda etapa.

 

 

O resultado faz a equipe alagoana permanecer na terceira colocação da Série B, agora com 50 pontos, o mesmo número do vice-líder Goiás, que está na frente pelo critério de desempate. Já o Papão segue na zona de rebaixamento, em 18º colocado, com 29 pontos.

 

 

 

 

Apesar de estar lutando pelo acesso à Serie A e o título da Série B, o CSA foi tímido no primeiro tempo. O Paysandu conseguiu, em grande parte do período, controlar o jogo. Tanto que aos 30, por pouco não abriu o placar, com Marcos Júnior, obrigando o goleiro Lucas Friegeri a realizar boa defesa. Aos 37, outra chance do Papão, dessa vez com Hugo Almeida, que recebeu bom cruzamento e desperdiçou chance incrível.

 

 

 

 

Mas os donos da casa voltaram com mais disposição do intervalo. E foi o suficiente para abrir o marcador, logo aos oito minutos, quando Hugo Cabral recebeu passe, se livrou da marcação e chutou forte. A bola foi parar no cantinho do gol defendido por Renan Rocha. A vantagem do CSA não assustou o Paysandu, que se lançou ao ataque. Aos 19, Marcos Júnior por pouco não empatou o duelo. Mais tarde, aos 42, nova chance para o Papão sair de Alagoas ao menos com a igualdade. Lúcio Flávio, livre de marcação, perdeu chance incrível dentro da área do adversário. Mas o CSA segurou a pressão e conseguiu triunfar em casa.

 

 

 

Da Redação com informações provenientes do site oficial da CBF