Campeonato Brasileiro 2018 – Brasileirão: Ceará vence o Cruzeiro por 2 a 0 no Mineirão e deixa a zona de rebaixamento.

No 1º tempo, Arthur deu trabalho à zaga celeste e já tinha colocado bola na trave de Fábio.
Foto: Felipe Santos/cearasc.com

 

 

Em jogo adiado da 28ª rodada do Campeonato Brasileiro, Cruzeiro e Ceará se enfrentaram nesta quarta-feira (24), no Mineirão. Jogando fora de casa, o Vozão surpreendeu o atual campeão da Copa do Brasil e venceu por 2 a 0, deixando a zona de rebaixamento da competição.

 

 

Com o resultado, o Ceará chegou a 34 pontos e subiu para o 14º lugar da tabela de classificação. O Cruzeiro, com 40, aparece na décima posição.

 

 

 

 

O jogo

 

 

 

 

Sem vencer há três rodadas e precisando do resultado para escapar da degola, o Ceará não se intimidou ao jogar na casa do Cruzeiro, que ainda está em clima de comemoração pelo hexacampeonato da Copa do Brasil. A Raposa chegou perto de abrir o placar aos 11 minutos, com Rafinha, mas Éverson fez excelente defesa para o Vozão. Depois, aos 18, Arthur respondeu e quase marcou para a equipe alvinegra ao tirar tinta da trave do goleiro Fábio. E logo na sequência, o atacante acertou a trave após falha na defesa cruzeirense. Os times seguiram fazendo um jogo bem movimentado, mas foram para o intervalo sem alterar o marcador.

 

 

 

 

No segundo tempo, Arthur seguiu sendo a principal peça do Ceará. Até que, aos 17 minutos, Leandro Carvalho puxou contra-ataque pela direita, tabelou com o atacante, e finalizou de canhota para ótima defesa de Fábio. Mas, no rebote, Arthur completou para o fundo das redes: 1 a 0. E aos 35 ele ainda fez mais um para liquidar a fatura. Após David errar o passe, Richardson ficou com a bola e passou para o camisa 40, que saiu na cara de Fábio e chutou rasteiro para fazer 2 a 0.

 

 

 

 

CRUZEIRO 0 x 2 CEARÁ

 

Motivo: 28ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 24/10/2018 (quarta-feira)
Local: Mineirão
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza CBF (SP)
Público: 30.814 presentes / 12.058 pagantes
Renda: R$ 204.315,00
Gols: Arthur aos 17 e aos 35 minutos do segundo tempo.
Cruzeiro: Fábio; Edilson, Léo, Manoel e Egídio; Henrique, Ariel Cabral (Raniel), Robinho, Thiago Neves (David) e Rafinha (Lucas Silva) ; Barcos. Técnico: Mano Menezes
Ceará: Éverson, Fabinho, Tiago Alves, Luiz Otávio e João Lucas, Richardson, Juninho e Ricardinho (Pedro Ken), Calyson (Felipe Azevedo), Arthur e Leandro Carvalho (Valdo) Técnico: Lisca
Cartões amarelos: Thiago Neves (Cruzeiro), Ricardinho, Arthur, Éverson (Ceará)

 

 

 

 

Da Redação com informações provenientes da CBF e sites oficiais do Ceará e Cruzeiro