Campeonato Brasileiro 2017 – Brasileirão: Sport derrota o Vitória por 2 a 1 e sobe na tabela da classificação.

Sport derrota o Vitória por 2 a 1 e sobe na tabela da classificação.

 

Pode-se dizer que o 2×1 não traduziu o que as equipes apresentaram. Numa partida bastante segura, o Sport foi muito superior ao Vitória, no Barradão, e tudo se encaminhava para um placar mais elástico, até o time baiano diminuir a vantagem nos minutos finais. Diego Souza e Lenis marcaram para o Leão.

 

 

Com o triunfo, a equipe rubro-negra deu um verdadeiro salto na classificação do Campeonato Brasileiro, da 17ª colocação para a 11ª. Com o gol, Diego Souza chegou ao seu 53º no Sport, e se tornou o maior artilheiro do clube em Campeonatos Brasileiros, com 33 tentos.

 

 

O JOGO

 

 

Uma partidaça! Jogando como visitante mas com uma postura de time da casa, o Sport foi superior ao Vitória durante toda a partida e fez por merecer um triunfo conquistado sem maiores problemas. Numa das melhores atuações do Leão no Brasileiro, o time mostrou bastante segurança em todos os setores da equipe.

 

 

No primeiro tempo, as melhores chances de gol foram do time pernambucano, que foi para o intervalo vencendo por 1×0, mas poderia ter conseguido um placar ainda mais elástico. O gol saiu nos últimos minutos, numa linda falta cobrada por Diego Souza, um dos grandes destaques do duelo.

 

 

Mas antes, o Leão já havia assustado em oportunidades com Mena, André e o próprio DS87. No segundo tempo, o Leão imprimiu o mesmo ritmo intenso, tanto na parte ofensiva como defensiva. E melhorou ainda mais quando aos 17 Luxemburgo fez duas mudanças, com as entradas de Lenis e Rodrigo.

 

 

Três minutos depois o colombiano marcou o segundo gol leonino, numa jogada que contou com um belo passe de André para Diego Souza, que deu uma bela arrancada e foi inteligente ao servir o companheiro mesmo estando de frente para o goleiro. Aos 39, num bate-rebate, o Vitória acabou diminuindo o placar.

 

 

 

Nos minutos finais, o Sport sofreu uma leve pressão do adversário mas conseguiu segurar o importante resultado. Até ajudado pela expulsão de André Lima, que levou o segundo amarelo, aos 44.

 

 

 

Da Redação com informações provenientes do Sport Recife