Campeonato Brasileiro 2016 – Séie B: Náutico vence o líder Vasco por 3 a 1 na Arena Pernambuco.

Náutico vence o líder Vasco por 3 a 1 na Arena Pernambuco.
Náutico vence o líder Vasco por 3 a 1 na Arena Pernambuco.

 

Empurrado pela torcida na Arena Pernambuco, o Náutico superou o líder Vasco por 3 a 1. O duelo contra o Vasco, marcou o centésimo jogo de Givanildo Oliveira, já em sua quarta passagem como técnico do hexacampeão pernambucano.

 

 

 
Em campo, o Náutico não deixou a festa passar em branco e, com dois gols de Rony e um de Bergson conseguiu uma importante vitória diante dos cariocas pelo Campeonato Brasileiro da Série B.

 

 

 

 

 
Resultado que, de quebra, diminuiu a distância do Timbu para o grupo dos quatro mais bem classificados justamente na reta final da competição. Agora, sem tempo para treinamentos, o grupo já se prepara visando o confronto com o Bragantino, terça-feira (dia 4), às 19h15, em Bragança Paulista/SP.

 

 

 

 
Desde o início, o Timbu foi mais ofensivo em campo. Conseguiu articular bem as jogadas pelo meio e foi criando as chances de gols. A primeira veio aos 4 minutos após boa jogada de Marco Antônio. Bergson chutou e Martin Silva defendeu.

 

 

 

 

 
Quatro minutos depois, Joazi fez boa jogada pela direita e cruzou. A bola passou por Bergson e Rony chutou para fora. Depois houve lances com Rony, aos 11, e, aos 15, Mateus Muller fez boa jogada pela esquerda e tocou para Vinícius. O meia chutou forte e Martin Silva fez defesa importante.

 

 

 

 
A pressão seguiu e, aos 16, Bergson bateu cruzado e Vinícius, na segunda trave, por pouco não abre o placar. Aos 22, enfim saiu o belo gol de Rony, que aproveitou a sua velocidade e fuzilou o goleiro vascaíno de fora da área: 1×0 Náutico.

 

 

 

 

Veio o segundo tempo e o torcedor, que já fazia a festa, comemorou o segundo gol no primeiro minuto do segundo tempo. Rony entrou pela esquerda e tocou para Bergson tocar sem chances de defesa para Martin Silva.

 

 

 

 

 

O Vasco respondeu com chute a queima roupa de Thalles. Julio César salvou com os pés. Veio as mudanças e após as entradas de Negretti em lugar de Marco Antônio, aos 18 minutos, e de Renan Oliveira no de Vinícius, aos 32, o Náutico ainda ganhou novo fôlego para criar novas chances.

 

 

 

 

Aos 33, após contra-ataque puxado por Renan Oliveira, Bergson chutou de dentro da área. Martin Silva salvou. Logo em seguida, o Vasco diminuiu com Madson. Porém, aos 47, o iluminado Rony invadiu a área e na base da raça matou o time carioca com mais um belo gol: 3×1.

 

 

 

 

 

Da Redação com informações da CBF