Campeonato Brasileiro 2016 – Brasileirão: Corinthians vence a Ponte Preta e espanta a crise

Bruno Henrique acertou um belo chute de 99km/h Foto: Reprodução / TV
Bruno Henrique acertou um belo chute de 99km/h – Foto: Reprodução / TV

 

 

 

O Corinthians enfim afastou a crise. Na manhã desta quinta-feira, o clube da capital paulista conquistou a primeira vitória no Brasileirão ao bater a Ponte Preta por 3 a 0, na Arena Corinthians, pela terceira rodada. Além de quebrar a invencibilidade de oito jogos da equipe campineira, os comandados de Tite encerraram um jejum de cinco partidas sem vitórias.

 

 

 

Com o resultado, o Corinthians soma agora quatro pontos na classificação e deve acabar a rodada entre os oito primeiros colocados. Mesma pontuação da Ponte Preta, que cai para a 15ª posição. A última derrota do time campineiro foi diante do próprio adversário desta quinta, no Campeonato Paulista.

 

 

 

 

A torcida abraçou o Corinthians em plena manhã de feriadão e empurrou o time rumo a sua primeira vitória no Brasileiro. Foram 21 minutos de pressão intensiva e que fez com que o time da capital paulista construísse boa vantagem em cima da Ponte Preta, que ficou longe do futebol apresentado diante do Palmeiras no domingo passado.

 

 

 

 

Apostando na velocidade, o Corinthians quebrou toda tentativa de armação da Ponte Preta e foi logo abrindo o placar aos 14 minutos. Marquinhos Gabriel fez boa jogada pelo lado esquerdo de campo e cruzou. Kadu tentou tirar, mas mandou contra o próprio gol. O segundo saiu aos 21. Uendel lançou, Matheus Jesus cortou, mas a bola caiu nos pés de Bruno Henrique, que encheu o pé para fazer mais um.

 

 

 

No segundo tempo, Eduardo Baptista colocou Thiago Galhardo em campo. E foi justamente ele que criou a primeira boa chance da equipe campineira. O meia recebeu de Jeferson e chutou para a defesa de Walter. Na sequência, foi a vez de Felipe Azevedo tentar de cabeça, mas a bola foi pela linha de fundo.

 

 

 

 

Mesmo sem a mesma efetividade da primeira etapa, o Corinthians seguiu ameaçando. Aos 15 minutos, Guilherme aproveitou o rebote da Ponte e tentou fazer de cobertura. João Carlos se recuperou no lance e fez a defesa. Sob o forte calor de São Paulo, o time do técnico Tite tirou o pé e começou a administrar a vantagem.

 

 

 

Aos 34 minutos, porém, o Corinthians fechou a conta. Fagner serviu Guilherme, que dominou e colocou no ângulo do goleiro João Paulo, fazendo o terceiro do clube da capital.

 

 

 

Na próxima rodada, o Corinthians enfrenta o Sport no domingo, às 11h, na Ilha do Retiro, em Recife. No mesmo dia e horário, a Ponte Preta recebe o Flamengo no Moisés Lucarelli, em Campinas.

 

 

 

 

 

 

Ficha técnica Corinthians 3 x 0 Ponte Preta

 

Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Data: 26 de maio de 2016, quinta-feira
Horário: 11h (de Brasília)
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Assistentes: Fábio Rogério Baesteiro e Bruno Salgado Rizo (ambos de SP)
Cartões amarelos: Vilson , Bruno Henrique e Cristian (COR); João Carlos, Renê Júnior, e Cristian (PON).

 

Gols: Kadu (contra), 14’/1ºT (1-0); Bruno Henrique, 21’/1ºT (2-0); Guilherme, 34’/2ºT (3-0).

 

 

 

CORINTHIANS: Walter, Fagner, Felipe, Vilson e Uendel (Guilherme Arana); Bruno Henrique, Cristian, Marquinhos Gabriel, Guilherme e Giovanni Augusto (Marlone); Luciano (André). Técnico: Tite.

 

 

 

PONTE PRETA: João Carlos; Jeferson, Douglas Grolli, Kadu e Reinaldo; João Vitor, Matheus Jesus (Renê Júnior) e Ravanelli (Cristian); Felipe Azevedo, Clayson (Thiago Galhardo) e Wellington Paulista.
Técnico: Eduardo Baptista.