Campeonato Brasileiro 2015 – Brasileirão: Santos faz tarefa de casa e vence o Coritiba por 3 a 0 na Vila Belmiro.

Santos FC
Santos FC

 

 

 

Mais um jogo agitou o sábado na 17ª rodada do Campeonato Brasileiro. Jogando na Vila Belmiro, o Santos venceu o Coritiba por 3 a 0, com gols de Geuvânio, Ivan (Contra) e Ricardo Oliveira, respirando na competição.

 

 

O Santos marcou duas vezes antes do intervalo. Geuvânio, em belo chute da entrada da área, abriu o marcador. Num dos últimos lances do primeiro tempo, Lucas Lima recebeu na área e rolou para o meio. Ivan, tentando afastar, acabou botando para dentro do próprio gol.
 

 

Na segunda etapa, Geuvânio fez jogada pela direita e cruzou rasteiro. Ricardo Oliveira, o artilheiro do campeonato com dez gols, mandou para as redes. A vitória deixa o Santos na 12ª posição, com vinte pontos. O Coritiba segue em último com apenas 12 pontos.
 

 

A rodada segue neste domingo, com mais oito jogos. Vasco x Joinville, Atlético-PR x Sport, São Paulo x Corinthians, Ponte Preta x Flamengo, Cruzeiro x Palmeiras, Goiás x Atlético-MG, Grêmio x Internacional e Chapecoense x Figueirense.

 

 
FICHA TÉCNICA

 

 

 

SANTOS 3 x 0 CORITIBA

 

 

 

SANTOS – Vanderlei; Victor Ferraz, Gustavo Henrique, David Braz e Zeca; Thiago Maia (Elano), Renato (Paulo Ricardo) e Lucas Lima; Gabriel, Geuvânio (Neto Berola) e Ricardo Oliveira. Técnico: Dorival Júnior.

 

 

 

CORITIBA – Wilson; Ivan (Juan), Leandro Silva, Rafael Marques e Juninho; João Paulo, Alan Santos (Thiago Galhardo) e Ruy; Evandro, Rafhael Lucas e Henrique Almeida (Fabrício Baiano). Técnico: Ney Franco.

 

 

 

GOLS – Geuvânio, aos 19, e Ivan (contra), aos 43 minutos do primeiro tempo; Ricardo Oliveira, aos 15 minutos do segundo tempo.

 

 

 

CARTÕES AMARELOS – Lucas Lima (Santos); João Paulo, Ivan, Ruy e Juninho (Coritiba).

 

 

 

ÁRBITRO – Igor Junio Benevenuto (MG).

 

 

RENDA – R$ 306.585,00.

 

 

PÚBLICO – 12.657 pagantes.

 

 

LOCAL – Estádio da Vila Belmiro, em Santos (SP).

 

 

 

 

Fonte: Da Redação com informações provenientes da Agência de Notícias e da FPF