Basquete: Parque Olímpico será sede da Copa Intercontinental de Basquete 2019

Campeonato reunirá Flamengo, Austin Spurs (EUA), San Lorenzo (ARG) e AEK (GRE), de 15 a 17 de fevereiro, na Arena Carioca 1.

 

 

A FIBA Américas confirmou a realização da Copa Intercontinental 2019 para o período de 15 a 17 de fevereiro, no Parque Olímpico da Barra, no Rio de Janeiro. O evento será realizado na Arena Carioca 1 e contará com as seguintes equipes: o anfitrião Flamengo (Brasil), Austin Spurs (Estados Unidos), campeão da NBA G-League (liga de desenvolvimento); San Lorenzo (Argentina), campeão da DirecTV Liga das Américas; e AEK (Grécia), campeão da Basketball Champions League.

 

 

Estamos empolgados em trazer a Copa Intercontinental da FIBA de volta às Américas e celebrar esta edição na excelente quadra olímpica de basquete do Rio de Janeiro, que foi a sede de tantos grandes momentos durante os Jogos de 2016. Os campeões da Liga das Américas e da Basketball Champions League vão lutar e tentar criar suas próprias histórias. Também gostaria de expressar minha gratidão à cidade do Rio de Janeiro, à Confederação Brasileira de Basketball (CBB), à Liga Nacional de Basquete (LNB) e ao clube anfitrião, o Flamengo, pela colaboração”, comentou o secretário-geral da FIBA, Andreas Zagklis.

 

 

 

 

Os confrontos das semifinais da Copa Intercontinental 2019 já estão definidos: San Lorenzo x AEK e Flamengo x Austin Spurs. As duas semifinais serão no dia 15 de fevereiro (sexta-feira). E, no domingo (17 de fevereiro), acontece a rodada final, com a disputa do terceiro lugar e, em seguida, a grande final.

 

 

 

 

“Ter o Austin Spurs da NBA G League jogando na Copa Intercontinental representa uma oportunidade fantástica, não apenas para que os jogadores demonstrem suas habilidades da NBA, mas também para que a própria liga seja representada no cenário internacional”, comentou o vice-comissário da NBA, Mark Tatum.

 

 

 

 

Na visão do presidente da Confederação Brasileira, Guy Peixoto Jr, o intercâmbio entre nações tradicionais do basquete só traz benefícios aos envolvidos. “Esta é mais uma grande iniciativa da FIBA Américas, que contribui para o crescimento do basquete brasileiro, pois promove um intercâmbio importante entre escolas fortes e tradicionais do cenário mundial. Esta será uma edição especial”.

 

 

 

 

 

Da Redação com informações provenientes e vinculadas pelo Comitê Olímpico do Brasil