Cultura: Virada Cultural Paulista promoverá apresentações em 34 cidades até o dia 09/12/2018

Virada Cultural Paulista promoverá apresentações em 34 cidades até o dia 09/12/2018

 

 

Maior evento cultural do Estado, com programação variada, totalmente gratuita e de qualidade, a Virada Cultural Paulista 2018 passa por expansão e promoverá atividades em 34 municípios. Ao longo de doze anos, mais de 11 milhões de espectadores estiveram presentes em mais de 7 mil espetáculos.

 

 

 

A a Virada Cultural Paulista 2018 é uma realização do Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria da Cultura, que investe na programação artística principal. Os municípios auxiliam na realização, pois são responsáveis pela montagem da infraestrutura de palco, som, segurança e limpeza, além de reforço à programação artística. O evento é produzido pela Associação Paulista dos Amigos da Arte (APAA), organização social de cultura parceira da pasta.

 

 

 

 

Na edição de 2017, as apresentações ocorreram em 22 municípios. Neste ano, o primeiro palco será na cidade de Ilha Solteira, no sábado (3) e domingo (4). A programação será realizada, em todos os fins de semana, até o dia 9 de dezembro. A edição de 2108 apresenta uma novidade aos participantes: os palcos “Experimente SP”, concebidos especialmente para apresentações inovadoras de dança, artes integradas, DJs, coletivos artísticos, grupos de cultura tradicional e estrelas dos municípios.

 

 

 

 

“Existe o destaque para os artistas locais e uma oportunidade para os grupos mostrarem seus talentos ao público da Virada, que vai a municípios que não tinham recebido o evento. Todas as regiões do Estado terão programação”, salienta o secretário de Estado da Cultura, Romildo Campello.

 

 

 

Variedade

 

 

 

O “Experimente SP” celebra os doze anos de Virada Cultural no interior paulista. O objetivo da Secretaria da Cultura do Estado é difundir as artes e coletivos urbanos de diversas linguagens culturais, de modo a proporcionar novas experiências culturais e sensoriais. A ideia é que o público vivencie a variedade da arte contemporânea, sobretudo nas novas cidades do circuito.

 

 

 

 

Integram esta edição os seguintes municípios: Andradina, Assis, Bauru, Birigui, Botucatu, Cananéia, Casa Branca, Cerquilho, Dracena, Franca, Garça, Guarulhos, Ibitinga, Iguape, Ilha Solteira, Indaiatuba, Itapetininga, Joanópolis, Limeira, Marília, Mogi das Cruzes, Olímpia, Pedreira, Registro, Santa Bárbara D’Oeste, Santos, São Caetano do Sul, São Carlos, São Sebastião, São Vicente, Sertãozinho, Sorocaba, Taubaté e Votuporanga.

 

 

 

Importância

 

 

 

Criada em 2007 pelo Governo do Estado de São Paulo, a Virada Cultural Paulista se transformou no evento cultural mais importante do interior e litoral paulistas, com a proposta de promover um grande festival gratuito e simultâneo em várias regiões. Por isso, desde o princípio, a Virada busca proporcionar ao público o acesso às melhores produções artísticas brasileiras.

 

 

 

Vale destacar que toda a programação é gratuita e confirmada em etapas, tanto as datas de realização como as atrações programadas. Os internautas podem acompanhar as atrações e a programação pelo portal da Secretaria da Cultura do Estado.

 

 

 

Confira, a seguir, os municípios que receberão atividades em cada fim de semana:

 

 

– 3 e 4 de novembro
Ilha Solteira

 

 

– 10 e 11 de novembro
Indaiatuba – Itapetininga – Franca – Mogi das Cruzes – Votuporanga – Taubaté

 

 

 

– 17 e 18 de novembro
Assis – Limeira – Marília – Santos – São Carlos

 

 

 

– 24 e 25 de novembro
Bauru – Botucatu – Joanópolis – Pedreira – Registro – Santa Bárbara d´Oeste – São Caetano do Sul – Sorocaba

 

 

 

– 1º e 2 de dezembro
Andradina – Dracena – Ibitinga – Iguape – São Sebastião – São Vicente – Sertãozinho

 

 

 

– 8 e 9 de dezembro
Birigui – Cananeia – Casa Branca – Cerquilho – Garça – Guarulhos – Olímpia

 

 

 

 

Da Redação com informações provenientes do Portal do Governo do Estado de São Paulo