Educação – USF: O médico americano Patch Adams ministrará palestra na Universidade São Francisco – 29/09/2018.

O médico americano Patch Adams ministrará palestra na Universidade São Francisco - 29/09/2018.
O médico americano Patch Adams ministrará palestra na Universidade São Francisco – 29/09/2018.

 

 

Os alunos de Medicina da Universidade São Francisco (USF), recebem no próximo dia 29 de setembro o médico americano, Patch Adams, que irá ministrar a palestra “Medicina Humanizada, empatia médico-paciente, alegria e arte no cuidado da saúde”. O evento será no Salão Nobre do Campus Bragança Paulista, das 13h às 18h30.

 

 

A palestra será destinada aos estudantes da área da saúde. O médico vem a convite dos alunos do projeto Sensibilizarte, uma frente de atuação vinculada a International Federation of Medical Students’ Associations of Brazil (IFMSA – Brazil). “A necessidade de humanização no ambiente hospitalar foi o fator de motivação para iniciarmos o projeto Sensibilizarte. As atividades artísticas são uma oportunidade de contribuir para a educação médica por uma outra perspectiva que não a abordada na formação tradicional”, afirmou a aluna do 6º semestre de Medicina e coordenadora do Projeto, Beatriz Criniti.

 

 

 

 

O objetivo da vinda do Dr. Patch Adams é reafirmar a ideologia de medicina humanizada para aqueles que já a praticam e também para quem acredita que isso seja impossível. O grande problema que ele relata é a mecanização e perda de empatia dos estudantes ao longo do curso.

 

 

 

 

Patch Adams é um médico, um palhaço e um ativista social que dedicou 30 anos para mudando o sistema de saúde da América. Ele acredita que o riso, a alegria e a criatividade são partes integrantes do processo de cicatrização. Sua história de vida inspirou o filme “Patch Adams – O Amor é Contagioso”.

 

 

 

O Projeto

 

 

 

O Sensibilizarte é dividido em quatro áreas de atuação: Artesanato, Contação de histórias, Musicoterpia e Palhaçoterapia. Em 2018, o projeto completa 5 anos de atuação. Nesse tempo todo, mais de 150 estudantes de medicina USF já participaram do Sensibilizarte. As atividades ocorrem no Hospital Universitário São Francisco (HUSF), além do Hospital-Dia, setor de Hemodiálise e instituições que cuidam de pessoas na cidade de Bragança Paulista como o asilo São Vicente de Paulo e SAMA.

 

 

 

 

Da Redação com informações da USF