Bragança Paulista: Programa desenvolvido no almoxarifado da Saúde em Bragança chama atenção de Profissionais do Estado de São Paulo

Programa desenvolvido no almoxarifado da Saúde em Bragança chama atenção de Profissionais do Estado de São Paulo

 

Na tarde da última quarta-feira, 13, o almoxarifado da Secretaria Municipal de Saúde recebeu a visita de 10 farmacêuticas da região do ABC paulista, acompanhadas da farmacêutica e coordenadora, Karina de Oliveira Fatel, que atua no Grupo de Assistência Farmacêutica da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo.
 

A visita foi realizada com o intuito de conhecerem um projeto referência, criado pela Prefeitura de Bragança, por meio da Secretaria Municipal de Saúde. Na oportunidade, as instalações e repartições do almoxarifado foram apresentadas às visitantes. Ainda durante a visita, as farmacêuticas conheceram a ESF Vila Davi.

 

O programa Componente Especializado da Assistência Farmacêutica (Ceaf), do Ministério da Saúde em parceria com municípios, dá aos pacientes a possibilidade de receberem, gratuitamente, medicamentos considerados “de alto custo”. Em Bragança Paulista, o projeto de “Descentralização de Componente Especializado da Assistência Farmacêutica” vem chamando a atenção de especialistas e representantes da saúde, que já o enxergam como referência. A iniciativa visa levar estes medicamentos – antes disponibilizados apenas na Secretaria Municipal de Saúde – às unidades de saúde próximas das residências dos pacientes.

 

São entregues à farmacêutica responsável kits com identificação e medicação específica para cada paciente, que posteriormente são enviados às unidades de saúde mais próximas.

 

 

Atualmente, 14 unidades de saúde entre Estratégias de Saúde da Família (ESF), Estratégias de Agentes Comunitários de Saúde (EACS) e Unidades Básicas de Saúde (UBS) recebem esse tipo de medicamento para mais de 3 mil pacientes ativos, que pegam regularmente. Em breve, mais 10 unidades passarão a receber os medicamentos, beneficiando ainda mais pessoas.

 

 

A coordenadora da Assistência Farmacêutica do município, Tânia Nobre Sardinha, e servidores da Secretaria Municipal de Saúde acompanharam a visita.

 

 

Da Redação com informaçoes provenientes da DIMP/BP