Bragança Paulista – Política: Vereador Quique Brown cobra apoio da Administração ao Programa DST/Aids

Vereador Quique Brown cobra apoio da Administração ao Programa DST/Aids
Vereador Quique Brown cobra apoio da Administração ao Programa DST/Aids

 

 

 

O vereador Quique Brown alertou a Administração sobre a necessidade de acompanhar mais proximamente o trabalho do Programa DST/Aids e Hepatites Virais. Quique participou de recente reunião do grupo e estranhou a ausência de representantes da Secretaria de Saúde.

 

 

 

Segundo o vereador, na reunião foram apresentados dados da situação do que vem ocorrendo no serviço de atenção especial. Uma situação chamou a atenção de Quique e diz respeito a atenção básica. “Nos casos de mulheres grávidas com sífilis, a doença tem disso identificada, em 50% dos casos, apenas no último trimestre da gestação. Outros 25% apenas no segundo trimestre da gestação e apenas em 25% dos casos já no primeiro trimestre. Isso é um problema grave na atenção básica”, alertou.

 

 

 

 

Outro ponto citado pelo vereador e que possui relação com a sífilis é o atendimentos dos dentistas. “Três dentistas que atuavam na unidade do Lavapés foram transferidos para outro setor. A saúde bucal é muito importante para conseguir fazer determinados diagnósticos prévios. Não ter os três dentistas concursados atuando ali é um problema”, comentou.

 

 

 

 

A alta rotatividade de funcionários da atenção básica também espantou o vereador. “Com isso não é possível criar vínculo, relação com a comunidade. Atrapalha no processo para se conseguir um diagnóstico”, relatou.

 

 

 

Acessibilidade e pista de skate Lavapés

 

 

Após relatar os problemas na Saúde, Quique exibiu imagens de um estabelecimento recém-inaugurado no bairro do Matadouro. Nas imagens nota-se que a instalação dos postes de energia elétrica estão em desacordo com a legislação, pois não permitem que sequer duas pessoas passem pela calçada ao mesmo tempo.

 

 

 

“Isso é uma aberração feita por essa Administração. Gostaria que me dissessem onde passa um cadeirante ali, duas pessoas. Estamos em um momento de discussão profunda sobre um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) sobre acessibilidade. Ouvimos nas ruas as pessoas dizendo que a Prefeitura não faz a parte dela e elas tem que fazer. Vemos nesse caso um empreendimento novo e a secretaria de Planejamento permitindo que isso aconteça”, questionou.

 

 

 

A fala do vereador foi encerrada com uma imagem do equipamento da pista de skate do Lavapés que ainda requer o reparo adequado. “Mostrei o vídeo semana passada. O skate para naquela lâmina, poderia dilacerar um braço, pedaço de dedo, orelha. Essa é a foto do obstáculo arrumado”, exibiu. Na imagem vê-se que foram colocadas cantoneiras, mas a lâmina continuava sem reparo. O vereador pediu que seja feito com urgência o trabalho de manutenção.

 

 

 

Da Redação com informações provenientes do Departamento de Comunicação Institucional da Câmara Municipal de Bragança Paulista