Bragança Paulista – Política: Revisão do Plano Diretor de Bragança inicia nova etapa com as oficinas participativas em diversos locais da cidade

Revisão do Plano Diretor de Bragança inicia nova etapa com as oficinas participativas em diversos locais da cidade

 

 

Com a parceria firmada entre a Prefeitura de Bragança Paulista e a Universidade São Francisco os trabalhos para a revisão e atualização do Plano Diretor do Município seguem, por meio da Comissão Especial do Executivo, das Câmaras Temáticas e do Grupo Gestor com técnicos, profissionais, docentes, estagiários e demais envolvidos, com o início das apresentações do diagnóstico à população em oficinas públicas.

 

 

 

Na segunda-feira (05/11), Prefeitura e USF marcam um momento histórico para o município com o início das oficinas participativas que levam até a população, em diversos locais e diferentes horários, o trabalho que vem sendo realizado em prol da revisão e atualização do Plano Diretor do Município. As oficinas são instrumentos diretos que possibilitam a participação efetiva da população nesse processo.

 

 

 

 

 

A dinâmica das oficinas envolve a apresentação de um vídeo para estimular a participação da população no processo de revisão do plano diretor, uma apresentação resumida do diagnóstico da cidade e o início das atividades com os presentes, que contemplam questionamentos sobre aspectos positivos e negativos da cidade, organização dos resultados e discussão com a população. Com o término de cada oficina serão feitos relatórios que integrarão o processo.

 

 

 

 

A primeira oficina aconteceu no Ginásio Municipal de Esportes Rubens Battaza, na Planejada II, no início da tarde desta segunda-feira com a participação do Secretário Municipal de Planejamento, Presidente da Comissão Municipal Especial para a Revisão e Atualização do Plano Diretor e membro do Grupo Gestor da Prefeitura e USF Marcelo Alexandre Soares da Silva; Vereadores Beth Chedid e Moufid Doher; Eduardo Simões, Chefe da Divisão de Regularização e Parcelamento do Solo – RESOLO; funcionários e técnicos do executivo; estagiários e docentes da USF; população em geral.

 

 

 

 

A segunda ocorreu no final da tarde na Escola Municipal Dr. Francisco Murilo Pinto, no Jardim Águas Claras, com a participação também dos Secretários Municipais Jocimar Bueno do Prado (Especial de Gabinete), Gislene Bueno (Agronegócios) e Tiago José Lopes (Assuntos Jurídicos), além de moradores do bairro.

 

 

 

 

O diagnóstico apresentado envolve o levantamento de dados e pesquisas das Câmaras Temáticas de Saúde, Desenvolvimento e Assistência Social, Turismo e Cultura (Esporte), Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente, Educação, Mobilidade Urbana e Circulação e Planejamento Territorial.

 

 

 

Confira o cronograma das próximas oficinas e garanta sua participação nesse processo fundamental para o Município:

 

 

 

Dia 6 de novembro (terça-feira)

14h e 18h – Instituto Federal – IFSP (Avenida Major Fernando Valle, 2013, Jardim São Miguel)

Dia 7 de novembro (quarta-feira)

18h – Escola Municipal Jorge Tibiriçá (Rua Cel. Leme, Centro)

Dia 8 de novembro (quinta-feira)

14h – Universidade São Francisco (Avenida São Francisco de Assis, 218, Jardim São José)

Dia 9 de novembro (sexta-feira)

14h – Centro Cultural Geraldo Pereira (Praça Cel. Jacinto Osório, Matadouro)

 

 

 

 

 

Da Redação com informações do DIMP/BP