Bragança Paulista – Política: A IV Conferência Municipal do Idoso de Bragança discutiu “Os Desafios de Envelhecer no Século XXI e o Papel das Políticas Públicas”

A IV Conferência Municipal do Idoso de Bragança discutiu “Os Desafios de Envelhecer no Século XXI e o Papel das Políticas Públicas”

 

 

Na última quarta-feira (13/03), foi realizada a IV Conferência Municipal do Idoso, tendo como tema central: “Os Desafios de Envelhecer no Século XXI e o Papel das Políticas Públicas”, no Núcleo de Apoio ao Professor e ao Aluno (NAPA), com a presença de 200 pessoas. Essa Conferência foi realizada em cumprimento ao Decreto de nº 2826, de 8 de novembro de 2018, pelo Conselho Municipal do Idoso – CMI, em parceria com a Prefeitura de Bragança Paulista, por meio da Secretaria Municipal de Ação e Desenvolvimento Social (SEMADS).

 

 

Na parte da manhã, o Prefeito Jesus Chedid e o Vice Amauri Sodré estiveram presentes e participaram da acolhida dos participantes e confirmaram todo o apoio que a Administração Municipal vem dando aos idosos, por meio da SEMADS e do Fundo Social de Solidariedade. Além disso, colocaram a Prefeitura à disposição das entidades e do Conselho para a criação de políticas públicas voltadas à terceira idade e ações pertinentes e necessárias.

 

 

 

 

Com duração de 8 horas, as atividades começaram às 8h30 com o credenciamento e um café da manhã. A mesa de honra foi composta Presidente do CMI Dilza Maria Raymundo Cardoso, pelo Vice-presidente do CMI Tiago Cerqueira Vidiri, pela Secretária da SEMADS Margarete Alvarenga, pelo Secretário de Educação Adilson Condesso, pela esposa do Vice-prefeito Cleide Izeppe da Silva, pela Presidente do Fundo Social de Solidariedade Francine Pereira, pelo Vereador Ditinho Bueno e pelo Presidente da Ordem dos Advogados de Bragança Paulista Dr. Rodrigo de Sales Siqueira.

 

 

 

Na abertura, a Secretária Margarete Alvarenga abordou diversas ações realizadas pela Administração em prol dos idosos como, por exemplo a assistência social voltada a essa população, ação conjunta com as entidades, programas, benefícios e serviços oferecidos para qualidade de vida do idoso como: Benefício de Prestação Continuada (BPC), CRAS – Centro de Referência e Ação Social, CREAS – Centro de Referência Especializado de Assistência Social, Centro Dia do Idoso (CDI), Centro de Convivência do Idoso “Marli Aparecida Toricelli Penteado”, entre outros.

 

 

 

 

Além de outras atividades, na plenária inicial foi feita a leitura e aprovação do Regimento Interno, em seguida, foi feita a divisão dos grupos de trabalho em quatro eixos: 1 – Direitos Fundamentais na construção/efetivação das Políticas Públicas (Subeixos: Saúde, Assistência Social, Previdência, Moradia, Transporte, Cultura, Esporte e Lazer); 2 – Educação: assegurando direitos e emancipação humana; 3 – Enfrentamento da violação dos Direitos Humanos da Pessoa Idosa; 4 – Os Conselhos de Direitos: seu papel na efetivação do controle social na geração e implementação das políticas públicas, que terminou com encaminhamentos de moções, aprovação das propostas, apresentação, eleição dos delegados e leitura do relatório final. Os delegados eleitos para participarem da Conferência Estadual foram: Harumi Kawagoe Alvarisa Lima (Titular) e Professor Carlos Molina (Suplente).

 

 

 

Também compareceram a IV Conferência Municipal do Idoso a Secretaria de Cultura e Turismo Vanessa Nogueira, a Vereadora e Presidente da Câmara Beth Chedid, a 1ª e 2ª Secretárias do CMI Elisabete das Neves Silva e Helena Maria Kurokawa Lorencini, representantes do Asilo de Mendicidade São Vicente de Paulo, do Vila São Vicente de Paulo, Pastoral da Pessoa Idosa, Conselho das Pessoas com Deficiência, Papo Sério, Solar Amigo, Longevidade, Reviver, Anos Prateados, Sem Limites, Idade Dourada, entre outras.

 

 

 

Da Redação com informações provenientes DIMP/BP