Bragança Paulista: Executivo apresenta resultados das medidas de contenção de gastos à Comissão de Finanças

Executivo apresenta resultados das medidas de contenção de gastos à Comissão de Finanças
Executivo apresenta resultados das medidas de contenção de gastos à Comissão de Finanças

 

 

Vereadores também receberam a avaliação do cumprimento das metas fiscais do segundo quadrimestre de 2015

 

 
Na tarde da última terça-feira (29/9), os membros do Comitê Gestor criado pelo Executivo para auxiliar na contenção e fiscalização das despesas do Executivo estiveram presentes na Comissão de Finanças, Orçamento, Obras, Serviços Públicos e Desenvolvimento Urbano para apresentar o resultado parcial de seus trabalhos. Também foi realizada a audiência pública para avaliação do cumprimento das metas fiscais do segundo quadrimestre de 2015.

 

 

 

 
Participaram da sessão os membros da Comissão, Antônio Carlos Nunes de Matos (Bugalú), Fabiana Alessandri, Jorge Luís Martin (Jorge do Proerd), Miguel Lopes e Rafael de Oliveira (presidente), além dos vereadores Paulo Mário Arruda de Vasconcellos, Mário B. Silva, Leonel Arantes, Padre Juzemildo e Rita Valle.

 

 

 

 
Pelo Executivo estiveram presentes os membros do Comitê Gestor, a vice-prefeita e secretaria Municipal de Educação, Huguette Theodoro, José Maurício Brandão Leo, secretário Municipal Chefe de Gabinete, Cássia Mendes Pimentel, secretária Municipal de Governo, Marianne Antunes, secretária Municipal de Administração, e Moufid Doher, secretário Municipal de Serviços. Para avaliação dos cumprimentos das metas fiscais a atual secretária de Finanças, Marianne Antunes, apresentou aos vereadores Andrea Villasboas, que assumirá a secretaria a partir de 1º de outubro.

 

 

 

Dos dados apresentados pelo Comitê Gestor, entre todos os cortes realizados pelo Executivo a economia chegou a R$9,8 milhões. Para isso foram tomadas medidas como redução de valores em aluguéis e contratos, além da diminuição de horas extras, demissões e remanejamento de salários dos comissionados.

 

 

 

 
Sob a análise do cumprimento das metas fiscais do segundo quadrimestre, Marianne aproveitou para explicar a situação da Prefeitura também nas metas até o final do ano. “A previsão de déficit até o final do ano é de R$19 milhões. Orçamento não é algo estagnado. Temos o déficit, mas ele é pagável, contornável. Estamos fazendo todas as ações possíveis para isso”, explicou.

 

 

 
Os vereadores aproveitaram a oportunidade para sanar dúvidas a respeito dos valores apresentados e também das próximas ações para diminuir os efeitos da crise financeira no Executivo.

 

 

 

 

A Comissão se reúne novamente na próxima terça-feira (6/10), às 14h no auditório da Câmara para sua próxima sessão semanal.

 

 

 

 
Fonte: Da Redação com informações do Departamento de Comunicação Institucional da Câmara Municipal de Bragança Paulista