Política: Senadora Vanessa Graziottin critica proposta que revoga obrigação da Petrobras no pré-sal

Senadora Vanessa Graziottin
Senadora Vanessa Graziottin

 

 

A senadora Vanessa Graziottin (PC do B-AM), em pronunciamento no Plenário do Senado nesta quinta-feira (26), criticou o PLS 131/2015, que revoga a participação obrigatória da Petrobras no modelo de exploração de partilha da produção de petróleo na camada pré-sal. O projeto também exclui a condicionante de participação mínima da empresa em, pelo menos, 30% da exploração e produção em cada licitação.

 

 

– Em nome da luta contra a corrupção, o que alguns querem efetivamente é espaço para promover o que tentaram e não conseguiram. Que é efetivamente privatizar a empresa – afirmou a senadora.

 

 

 

Ela disse que a luta parlamentar contra propostas como essa será um dos motes da Frente em Defesa da Petrobras, instalada na terça-feira. Vanessa lembra que a frente já conta com “muitos deputados e senadores”, inclusive de partidos que não fazem parte da base de apoio ao governo.

 

 

– Não faz sentido revogar o modelo de partilha, pois na camada pré-sal já se sabe que há petróleo. O risco é zero. O modelo de concessão continua vigente nas demais áreas pois envolve pesquisa – argumentou.

 

 

 

Por essa razão a senadora defende que a crise por que passa a empresa não a impede de manter os investimentos na camada pré-sal. Vanessa ainda lembrou que a lei vigente vincula os royalties obtidos com a exploração destes recursos com gastos em educação e saúde.

 

 

Da Redação com fonte da Agência Senado