Agrishow 2015: Agricultura Paulista receberá R$ 207 milhões em investimentos do Estado

O Governador Geraldo Alckmin, participa da Abertura da Agrishow em Ribeirão Preto. Data: 27/04/2015. Local: Ribeirão Preto/SP.  Foto: Du Amorim/A2 FOTOGRAFIA
O Governador Geraldo Alckmin, participa da Abertura da Agrishow em Ribeirão Preto. Data: 27/04/2015. Local: Ribeirão Preto/SP.
Foto: Du Amorim/A2 FOTOGRAFIA

 

 

A agricultura paulista receberá investimentos no valor de R$ 207 milhões do Governo do Estado, recursos que serão destinados ao seguro rural, às linhas de crédito e aos programas de aquisição de tratores e implementos com juro zero. O anúncio foi feito pelo governador Geraldo Alckmin nesta segunda-feira, 27, durante a abertura da 22ª edição da Agrishow, Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação.


“A Agrishow é o ponto alto do agronegócio brasileiro e está entre as três maiores feiras. Esses anúncios feitos durante o evento vão estimular a produção agrícola e promover emprego e renda”, disse Alckmin.

 

 
Como os recursos serão aplicados

 

 
Para o programa Pró-Trator serão liberados R$ 85 milhões para novos financiamentos, totalizando, desde seu início em 2009, o montante de R$ 585 milhões. “O prazo de financiamento do Pró-Trator será aumentado para até oito anos com três anos de carência e juros zero. Esse benefício será concedido ao pequeno e médio produtor”, explicou o governador.

 

 
Outra novidade é que o programa possibilitará a aquisição de um segundo trator ao produtor que, tendo comprado um trator pelo Pró-Trator, já esteja com seu financiamento liquidado.

 

 
O programa já alcançou a marca de cinco mil tratores financiados, o anúncio também foi feito na Agrishow. São Paulo é o único estado do País que oferece aos seus produtores rurais linhas de financiamento de tratores e implementos com juros zero, ou seja, totalmente subvencionados

 

 
Já para o Pró-Implemento serão disponibilizados mais R$ 35 milhões, totalizando, desde o início do programa em 2012, o montante de R$ 135 milhões. Além disso, o prazo de financiamento será aumentado para até 8 anos e o teto de financiamento subirá para R$ 200 mil por beneficiário. Mais R$ 25 milhões serão destinados para a subvenção do prêmio de seguro rural, totalizando, desde 2003, o montante de R$ 164 milhões.

 

 
Esses recursos são viabilizados por meio do Feap (Fundo de Expansão do Agronegócio Paulista). Para as 29 linhas de custeio e investimento, estão liberados R$ 50 milhões, e para as modalidades de Contrato de Opção e Projeto Integra SP, que subvenciona a correção de grandes erosões, ambas não reembolsáveis, são mais R$ 12 milhões, à disposição dos produtores rurais.

 

 
Em relação ao programa Microbacias II, foram entregues três caminhões para projetos desenvolvidos em Serra Azul, Guatapará e São Simão. Além disso, Alckmin assinou um termo de autorização para repasse de subvenções a associações, sendo destinados R$ 725 mil para projeto realizado em Batatais, para implantação de uma agroindústria para processamento de produtos de olericultura; e R$ 1,142 milhão, será para projeto desenvolvido no município de Lourdes, para instalação de balança, secador e silo.

 

 
Outro destaque é o termo de autorização para assinatura de convênio entre a Secretaria da Agricultura, Inpev e Cetesb para erradicação de agrotóxicos obsoletos, que ainda estão armazenados pelos produtores rurais paulistas. Os produtos foram declarados espontaneamente pelos proprietários em campanha promovida pelo Governo do Estado entre 2011 e 2013.

 

 
Durante o evento, houve o tradicional lançamento da primeira etapa da campanha de vacinação contra febre aftosa, além de novas cultivares de algodão, milho, milho pipoca e sorgo.

 

 

 
Quadro Resumo dos Recursos anunciados: R$ 207 milhões

 

 

  • R$ 85 milhões – Pró-Trator II
  • R$ 35 milhões – Pró-Implemento
  • R$ 25 milhões – Subvenção Seguro Rural
  • R$ 50 milhões – Novos financiamentos para custeio e investimento
  • R$ 12 milhões – Não reembolsáveis – a linha Integra São Paulo e o Contrato de Opção

 
Do Portal do Governo do Estado São paulo