UFC Goiânia: Duelo entre Carlos Condit e Thiago Pitbull será a principal atração do evento deste sábado em Goiânia – 30/05/2015

Duelo entre Carlos Condit e Thiago Pitbull será a principal atração do evento deste sábado em Goiânia - 30/05/2015
Duelo entre Carlos Condit e Thiago Pitbull será a principal atração do evento deste sábado em Goiânia – 30/05/2015

 

 

 

O Ultimate volta a Goiânia neste sábado (30) com um duelo de tirar o fôlego nos meio-médios. O ex-campeão interino da categoria, Carlos Condit, volta ao octógono após um ano parado para enfrentar o sempre perigoso Thiago Pitbull, que terá o apoio da torcida. O card ainda terá a revanche entre Charles do Bronx e Nik Lentz, que se enfrentaram em 2011 em um duelo que terminou em “No Contest”. Confira três bons motivos para não perder o UFC Goiânia, com transmissão AO VIVO e exclusiva do Canal Combate a partir das 19h30.

 

 

Condit está de volta!

 

 

Apesar de ter apenas 31 anos, Carlos Condit é visto como um dos atletas mais experientes na categoria dos meio-médios. O lutador rompeu o ligamento e o menisco do joelho direito na luta contra Tyron Woodley em março de 2014, no UFC 171, e apesar de sua inatividade no período, ainda ocupa a quarta posição no ranking da categoria. Conhecido por fazer lutas empolgantes, sendo que 27 de suas 29 vitórias vieram por nocaute ou finalização – 93% do total, o norte-americano sabe que um triunfo sobre Pitbull pode colocá-lo de volta na rota para o cinturão, e garantiu que só sairá do octógono como vencedor.

 

 
Pitbull faminto

 

 

 

Depois de enfrentar uma série de lesões, Thiago Pitbull voltou com tudo ao octógono e conseguiu belíssimas vitórias sobre Seth Baczynski e Jordan Mein. Conhecido pela impressionante força em seus chutes, fruto do seu muay thai afiado, o brasileiro é considerado um dos melhores strikers da divisão e possui oito vitórias no Ultimate por nocaute – a segunda melhor marca da divisão, atrás apenas de Matt Brown com nove. Ex-desafiante ao cinturão dos meio-médios, quando perdeu para Georges St-Pierre no UFC 100, em 2009, o brasileiro prometeu que irá buscar o top 5 ainda este ano, e uma vitória sobre Condit é um passo fundamental para chegar a seu objetivo.

 

 
Charles do Bronx x Nik Lentz II

 

 

 

Em 2011, Charles do Bronx e Nik Lentz ainda estavam no peso-leve e fizeram uma das mais emocionantes no UFC Pittsburgh, que acabou terminando em “No Contest” após a Comissão Atlética do Estado da Pensilvânia anular a vitória do brasileiro por conta de uma joelhada ilegal. Desde então, os atletas baixaram de categoria e vivem trocando provocações. Eles inicialmente voltariam a se enfrentar em setembro de 2014, mas Do Bronx passou mal no dia do confronto e teve que desistir do combate. Agora, os dois estão prontos para fazer o tira-teima – e se a luta deste sábado for parecida com a primeira, os fãs de MMA podem esperar grandes emoções.

 

 

 

Pesagem

 

 

 
O clima esquentou entre os pesos-penas Charles do Bronx e Nik Lentz na pesagem do UFC Goiânia, que ocorreu na tarde desta sexta-feira. Os lutadores, que farão a segunda luta mais importante do evento, se estranharam na hora da encarada e precisaram ser contidos pelo matchmaker do UFC, Joe Silva. Outra encarada que levantou o público foi entre Lucas Mineiro e Mirsad Bektic, que lutam na mesma divisão.

 

 

 

Protagonistas da luta principal, Carlos Condit e Thiago Pitbull não tiveram problemas com a balança e estão prontos para amanhã. O norte-americano subiu ao palco sob provocações da torcida brasileira, enquanto o atleta da casa foi aplaudido pelo público. Na hora da encarada, os atletas se respeitaram e guardaram toda a emoção para dentro do octógono.

 

 

 

Rony Jason foi outro atleta que agradou ao público goiano. O lutador subiu no palco utilizando a famosa máscara do personagem dos filmes de terror. Já Alex Cowboy estava com seu chapéu característico e também foi bastante aplaudido pelo público. Confira os resultados:

 

 
Card Principal

 

  • Carlos Condit (77,1 kg) x Thiago Pitbull (77,1 kg), peso-meio-médio (até 77,5 kg)
  • Nik Lentz (66,1 kg) x Charles do Bronx (65,2 kg), peso-pena (até 66,1 kg)
  • KJ Noons (77,1 kg) x Alex Cowboy (77,1 kg), peso-meio-médio (até 77,5 kg)
  • Francimar Bodão (93 kg) x Ryan Jimmo (93,4 kg), peso-meio-pesado (até 93,4 kg)
  • Francisco Massaranduba (70,7 kg) x Norman Parke (70,7 kg), peso-leve (até 70,7 kg)
  • Wendell Oliveira (77,1 kg) x Darren Till (77,5 kg), peso-meio-médio (até 77,5 kg)

 

 

 

Card Preliminar

 

  • Rony Jason (66,1 kg) x Damon Jackson (65,7 kg), peso-pena (até 66,1 kg)
  • Jussier Formiga (57,1 kg) x Wilson Reis (57,1 kg), peso-mosca (até 57,1 kg)
  • Elizeu Capoeira (77,5 kg) x Nicolas Dalby (77,5 kg), peso-meio-médio (até 77,5 kg)
  • Lucas Mineiro (65,7 kg) x Mirsad Bektic (66,1 kg), peso-pena (até 66,1 kg)
  • Juliana Lima (52,6 kg) x Ericka Almeida (52,6 kg), peso-palha (até 52,6 kg)
  • Luiz Besouro (77,1 kg) x Tom Breese (77,5 kg), peso-meio-médio (até 77,5 kg)

 

 

 

 

Da Redação com informações da UFC – www.ufc.com.br