Tênis: Bellucci encerra jejum e passa por Lleyton Hewitt na estreia do Masters 1.000 de Miami

Thomaz Bellucci
Thomaz Bellucci

 

Brasileiro vence duelo de três horas contra ex-número um do mundo e volta a triunfar após oito derrotas seguidas no circuito profissional

 

 

Depois de uma sequência de oito jogos sem vitórias, o brasileiro Thomaz Bellucci voltou a vencer uma partida no circuito profissional de tênis. Na madrugada desta sexta-feira (27.03), o paulista derrotou o australiano Lleyton Hewitt, ex-número um do mundo e atual 107º, por 2 x 1 (7/5, 6/7 e 6/4), na estreia do Masters 1.000 de Miami. O confronto durou três horas.

 

 

 

Com o resultado, o brasileiro encerrou um jejum que já durava desde fevereiro, quando chegou às semifinais do ATP 250 de Santiago, no Chile. A vitória leva Bellucci para a segunda rodada do torneio, onde enfrentará o uruguaio Pablo Cuevas, 21º colocado do ranking mundial. A partida está prevista para este sábado (28.03).

 

O jogo

 

 

No primeiro set, o brasileiro precisou salvar alguns break points nos games iniciais. Depois, ele conseguiu quebrar o saque do australiano e chegou a abrir 4/2 de vantagem. Mas Hewitt se recuperou, devolveu a quebra e virou para 5/4. Pressionado, Bellucci conseguiu reverter o placar e fechou a parcial em 7/5.

 

 

Em vantagem, Bellucci seguiu errando muito — foram 71 erros não forçados ao longo do duelo — e viu Hewitt desperdiçar diversas oportunidades de quebrar seu saque. Assim, a partida seguiu equilibrada e foi para o tie-break. O australiano abriu larga vantagem e fechou em 7/2, empatando o confronto.

 

 

O set decisivo começou mal para Thomaz Bellucci, que teve seu saque quebrado logo no primeiro game. Mas o brasileiro reagiu prontamente, devolvendo a quebra logo em seguida. Novamente o brasileiro assumiu a ponta, abriu 4/2 e viu o adversário empatar. Desta vez, no entanto, o tenista paulista freou a reação e fechou a partida em 6/4.
Duplas

 

 

O Brasil volta à quadra do Masters 1.000 de Miami ainda nesta sexta pela chave de duplas. Cabeças de chave número três do torneio, Bruno Soares e Marcelo Melo, ambos beneficiados pelo programa Bolsa Pódio, enfrentam o colombiano Santiago Giraldo e o eslovaco Martin Klizan. Além deles, o próprio Bellucci entra em ação. Ao lado de João Souza, o Feijão, ele encara os espanhóis Marcel Granollers e Marc Lopez.

 

 

 

Da Redação com informações Brasil 2016